Banner Portal
Profissionais fazendo matemática
PDF

Palavras-chave

EJA
Prática profissional
Números decimais
Contextos diversificados
Operações

Como Citar

CAVALCANTE, Maria José Gomes; BORBA, Rute Elisabete de Souza Rosa. Profissionais fazendo matemática: avanços e limites nos cálculos com números decimais. Zetetike, Campinas, SP, v. 22, n. 2, p. 89–122, 2014. DOI: 10.20396/zet.v22i42.8646568. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646568. Acesso em: 20 jun. 2024.

Resumo

O estudo teve como objetivo investigar os conhecimentos sobre números decimais de estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) que exercem diferentes profissões. Participaram oito estudantes (pedreiros e marceneiros) que resolveram 12 questões, envolvendo os conceitos de área e de perímetro, inseridos nos contextos de construção civil, marcenaria e agricultura. Por meio de entrevistas clínicas piagetianas, observamos que a experiência dos pedreiros e marceneiros mostrou-se significativa, em relação à elaboração de estratégias e às operações com números decimais para a resolução dos problemas, em contextos que lhes eram familiares e não familiares. Entretanto, alguns erros foram identificados nos cálculos numéricos realizados por alguns participantes, envolvendo, principalmente, a multiplicação e a subtração. Evidencia-se, portanto, tanto, a necessidade da escola aproveitar no ensino na EJA de estratégias utilizadas pelos estudantes nas suas práticas profissionais, como a de considerar que há dificuldades a serem superadas pelos estudantes e contribuir neste processo.

https://doi.org/10.20396/zet.v22i42.8646568
PDF

Referências

ABREU, Guida Maria. O uso da matemática na agricultura: o caso dos produtores de cana-de-açúcar. Recife: Programa de Pós-Graduação em Psicologia Cognitiva /Universidade Federal de Pernambuco, 1988. Dissertação (Mestrado em Psicologia Cognitiva).

BROUSSEAU, Guy. Les obstacles épistémologiques et les problèmes en mathématiques. Recherches en Didactique des Mathématiques. Grenoble: La Pensée Sauvage, 1983, Vol. 4.

CARRAHER, Terezinha Nunes. Passando da planta para a construção: um trabalho de mestres. In: CARRAHER, Terezinha; CARRAHER, David; SCHLIEMANN Analúcia. Na vida dez, na escola zero. São Paulo: Cortez, 1988, p. 101-125.

CUNHA, Micheline; MAGINA, Sandra Maria. A medida e o número decimal: um estudo sobre a elaboração de conceito em crianças do nível fundamental. In: Encontro Nacional de Educação Matemática, 7, 2004, Recife/PE. Anais.

DANYLUK, Ocsana Sônia. Educação de Adultos: ampliando horizontes do conhecimento. Porto Alegre: Sulina, 2001.

FONSECA, Maria da Conceição. Educação Matemática de jovens e adultos: especificações, desafios e contribuições. Belo Horizonte: Autêntica, 2002.

MAGALHÃES, Verônica. A resolução de problemas de proporção e sua transferência entre diferentes conteúdos. Recife: Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Cognitiva/Universidade Federal de Pernambuco, 1990. Dissertação (Mestrado em Psicologia Cognitiva).

PORTO, Zélia. Números decimais: problemas de compreensão e representação. Recife: Universidade Federal de estou na dúvida Pernambuco, 1995. Dissertação (Mestrado em Psicologia Cognitiva).

RODRIGUES, Wanda. A aparente simplicidade da base dez. In: Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática, 2, 2003, Santos/SP, Anais.

SCHLIEMANN, Analúcia. Escolarização formal versus experiência prática na resolução de problemas. In CARRAHER, Terezinha; CARRAHER, David; SCHLIEMANN Analúcia. Na vida dez, na escola zero. São Paulo: Cortez, 1988, p.69-83.

SILVA, Valdenice da. Números decimais: no que os saberes de adultos diferem dos de criança? Recife: Universidade Federal de Pernambuco, 2006. Dissertação (Mestrado em Educação)

VERGNAUD, Gerárd. Psicologia do desenvolvimento cognitivo e didáctica das matemáticas. Um exemplo: as estruturas aditivas. Análise Psicológica, v.1, p.75-90, 1986.

VYGOTSKY, Lev. A formação social da mente: o desenvolvimento dos processos psicológicos superiores. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2015 Zetetiké: Revista de Educação Matemática

Downloads

Não há dados estatísticos.