Banner Portal
Um pouco da Teoria das Situações Didáticas (TSD) de Guy Brousseau
PDF

Palavras-chave

Conhecimento
Saber
Situações didáticas
Situação adidática
Engenharia didática

Como Citar

TEIXEIRA, Paulo Jorge Magalhães; PASSOS, Claudio Cesar Manso. Um pouco da Teoria das Situações Didáticas (TSD) de Guy Brousseau. Zetetike, Campinas, SP, v. 21, n. 1, p. 155–168, 2014. DOI: 10.20396/zet.v21i39.8646602. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646602. Acesso em: 15 jun. 2024.

Resumo

Este trabalho é um recorte parcial da Teoria das Situações Didáticas, de Guy Brousseau, e apresenta caracterizações acerca da utilização dessa teoria, quando sequências didáticas são preparadas para permitir a autonomia do educando na construção de seus saberes. Ela proporciona condições favoráveis ao professor para, entre outras tarefas, elaborar, aplicar, acompanhar e realizar análises, quando elabora uma sequência didática em que o aluno é convidado a construir saberes relativos a um conteúdo matemático, sem a interferência direta do professor nessa construção. O professor e o aluno firmam um contrato didático, pelo qual o aluno se compromete, tendo o professor como mediador, a se apropriar de saberes que o professor propõe ao aluno na execução das atividades propostas na sequência didática.

 

https://doi.org/10.20396/zet.v21i39.8646602
PDF

Referências

ARTIGUE, M. Engenharia Didática. In: BRUN, J. (Org.). Didática das matemáticas. Tradução de M. J. Figueiredo. Lisboa: Instituto Piaget, 1996. p. 193-217.

ARTIGUE, M. Ingénierie Didactique. Recherches em Didactique des Mathématiques, Grenoble, v. 9, n. 3, p. 281-308, 1988.

BROUSSEAU, G. Fondements et Méthodes de la Didactique des Mathématiques. Recherches em Didactique des Mathématiques, Grenoble, v. 7, n. 2, p. 33-116, 1986.

BROUSSEAU, G. Introdução ao estudo das situações didáticas: conteúdos e métodos de ensino. São Paulo: Ática, 2008.

BROUSSEAU, G. Les différents rôles du maître. Bulletin de l’ A.M.Q., Montréal, n. 23, p.14-24. 1988.

COLL, C. et al. O construtivismo na sala de aula. São Paulo: Ática, 2001.

DOUADY, R. Jeux de cadres et dialectique outil-object. Recherches em Didactique dês Mathématiques, Grenoble, v. 7, n. 2, p. 5-31, 1986.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2014 Zetetiké: Revista de Educação Matemática

Downloads

Não há dados estatísticos.