<b>Professores que explicitam a utilização de formas de pensamento flexível podem estar contribuindo para o sucesso em matemática de alguns de seus alunos</b><br><i>p.31-58

Autores

  • Maria Manuela Martins Soares David Universidade Federal de Minas Gerais
  • Maria da Penha Lopes Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.20396/zet.v6i9.8646806

Palavras-chave:

Sucesso e fracasso em Matemática, Flexibilidade de pensamento, Cognição

Resumo

Neste artigo analisamos as características do aluno de sucesso/fracasso em matemática, levando em consideração fatores de ordem psicológica e cognitiva. O aluno de sucesso ao longo prazo passou a ser identificado como aquele que apresenta um pensamento flexível, que lhe permite alcançar uma compreensão mais global e significativa dos conceitos. Partindo de observações de sala de aula e das interações entre professor e alunos verificamos que, quando os professores fazem uso de formas de pensamento flexível, mesmo que de forma não deliberada, eles pode estar contribuindo para que alguns alunos busquem um sentindo para o uso de fórmulas e conceitos matemáticos, e, em última análise, contribuindo para o sucesso em matemática. Sugere-se que os professores adotem, deliberadamente, uma postura em sala de aula que incentive habilidades de resolução de problemas e formas de pensamento autônomo e flexível.

Palavras-chave
Sucesso e fracasso em Matemática; Flexibilidade de pensamento; Cognição


Abstract

In this article we examine the characteristics of the successful/unsuccessful student in Mathematics considering psychological and cognate factors. The successful student at a long range was identified with that one which exhibits a flexible way of thinking, which allows him to attain a more global and significant understanding of the concepts. Starting from teacher and students interactions and from classroom observations we have verified that when teachers make use of flexible forms of thinking, even when teachers I a non-deliberate fashion, they may be contributing for some students to seek for a sense in the use of mathematical concepts and formulas, and, a last, contributing for their success in Mathematics. We suggest that teachers deliberately assume a classroom attitude which will stimulate problem solving abilities ad forms of flexible and autonomous thinking.

Keywords
Success and failure in Mathematics; Flexible thinking; Cognition

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Manuela Martins Soares David, Universidade Federal de Minas Gerais

Professora da Faculdade de Educação da UFMG.

Maria da Penha Lopes, Universidade Federal de Minas Gerais

Professora do Depto. de Matemática da UFMG.

Downloads

Publicado

2009-12-07

Como Citar

DAVID, M. M. M. S.; LOPES, M. da P. <b>Professores que explicitam a utilização de formas de pensamento flexível podem estar contribuindo para o sucesso em matemática de alguns de seus alunos</b><br><i>p.31-58. Zetetike, Campinas, SP, v. 6, n. 1, 2009. DOI: 10.20396/zet.v6i9.8646806. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646806. Acesso em: 25 set. 2022.

Edição

Seção

Artigo

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)