Banner Portal
Cenas de uma aula de álgebra: produzindo e negociando significados para a "coisa"
PDF

Palavras-chave

Comunicação em aula
Processos de significação atividade algébrica
Ensino de álgebra
Obstáculos didáticos

Como Citar

PINTO, Renata Anastácio; FIORENTINI, Dario. Cenas de uma aula de álgebra: produzindo e negociando significados para a "coisa". Zetetike, Campinas, SP, v. 5, n. 2, p. 45–72, 1997. DOI: 10.20396/zet.v5i8.8646847. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646847. Acesso em: 27 maio. 2024.

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar sob um de vista semiótico, epistemológico e pedagógico os significados produzidos e negociados por uma professora de matemática de 7 série e seus alunos, em aula, durante a realização de uma atividade algébrica. A análise, referente ao processo de comunicação/ significação, apóia-se teoricamente em Vygotsky a Bakhtin. Em relação aos aspectos didáticos e epistemológicos decorrentes desse processo, o estudo apóia-se em Bachelard e Brousseau. O estudo mostra que, alunos e professora, na tentativa de produzir/negociar significados pra os entes algébricos, podem produzir polissemias para palavras como, no caso, “quadrado” e “coisa”, gerando desse modo obstáculos didáticos, epistemológicos e verbais.
https://doi.org/10.20396/zet.v5i8.8646847
PDF
Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2014 Zetetiké: Revista de Educação Matemática

Downloads

Não há dados estatísticos.