História da educação Matemática na Revista do Ensino de Minas Gerais (1925-1971)

Palavras-chave: História da educação matemática. Periódicos educacionais. Revista do Ensino de Minas Gerais.

Resumo

Neste artigo, discutimos aspectos teórico-metodológicos do uso de periódicos educacionais como fonte de pesquisa e focalizamos uma investigação sobre a matemática e o seu ensino na Revista do Ensino de Minas Gerais (RE) - impresso oficial de extrema importância para a história da educação mineira que circulou de 1925 a 1971. Tal investigação tem como corpus textos publicados na RE até 1940 que contêm referências à matemática ou a seu ensino. Ao levantarmos as características gerais desse corpus, constatamos que é variado o grupo formado por seus autores e coautores, que inclui personalidades do cenário político-pedagógico da época. Notamos, ainda, que o tipo mais frequente de texto é o relato de experiência/ observação/ pesquisa/ estudo e que foi muito expressiva na RE a presença dos seguintes temas: a matemática nas escolas após as reformas de 1927; concepções/ visões/ valores relacionados à matemática e/ou a seu ensino; orientações/sugestões para a abordagem de conteúdos matemáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávia Aparecida Britto, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais. 

Maria Laura Magalhães Gomes, Universidade Federal de Minas Gerais
Departamento de Matemática e Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Referências

Almeida, T. A. & Belmiro, C. A. (2016). Literatura infantil e multimodalidade: o papel dos paratextos no livro ilustrado. Pesquisas em discurso pedagógico, (1), 1-17.

Barros, S. de C. (2015). O ensino de geometria na formação de professores primários em Minas Gerais entre as décadas de 1890 e 1940. 2015. Dissertação de mestrado em Educação Matemática. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora.

Bastos, M. H. C. A. (2007). A imprensa de educação e de ensino: repertórios analíticos. O exemplo da França. [Resenha do livro La presse d'éducation et d'enseignement. 1941-1990. Répertoire analytique, de P. Caspard-Karydis]. Revista Brasileira de Educação, 12(34), 166-168.

Belmiro, C. A. (2012). Entre modos de ver e modos de ler, o dizer. Educação em Revista, Belo Horizonte, 28(4), 105-131.

Biccas, M. de S (2006). Impresso pedagógico como objeto e fonte para a História da Educação em Minas Gerais: Revista do Ensino (1925-1940). In C. Morais, E. A. Portes, & M. A. Arruda. História da Educação: Ensino e pesquisa. Belo Horizonte: Autêntica.

Biccas, M. de S (2008). O impresso como estratégia de formação: Revista do Ensino de Minas Gerais (1925-1940). Belo Horizonte: Argvmentvm.

Borges, V. L. A. (1993). A ideologia do caráter nacional da educação em Minas: Revista do Ensino (1925-1929). Dissertação de Mestrado em Educação. Campinas: Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação.

Brito, A. J., & Miorim, M. A. (2012). Histórias de periódicos e da Educação Matemática no Brasil: Possíveis relações. Educação Matemática e Pesquisa, São Paulo, 14(3), 439-464.

Búrigo, E. Z. (2016). Problemas aritméticos em livros, revistas e programas: um exercício de cruzamento de fontes. Histemat, 2(1), 190-204.

Caputo, D. R. (2017). O saber desenho no ensino primário a partir das Revistas do Ensino de Minas Gerais (1925 A 1932): sua concepção e as profissionalidades. Dissertação de Mestrado Profissional em Educação Matemática. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora.

Carvalho, M. M. C. de (2001). A Escola Nova e o impresso: um estudo sobre as estratégias editoriais de difusão do escolanovismo no Brasil. In: L. M. de Faria Filho, (Orgs.). Modos de ler/Formas de escrever: estudos de história da leitura e da escrita no Brasil. Belo Horizonte: Autêntica.

Catani, D. B. A (1996). A imprensa periódica educacional: as revistas de ensino e o estudo do campo educacional. Educação e Filosofia. 10(20), 115-130.

Chartier, R. (1990). A História Cultural: entre práticas e representações. Lisboa: Difel.

Cruz, H. de F., & Peixoto, M. do R. da C. (2007). Na oficina do historiador: conversas sobre história e imprensa. Projeto História. 35, 255-272.

Darnton, R. (2010). O beijo de Lamourette: mídia, cultura e revolução. São Paulo: Companhia das Letras.

Decreto n. 6.655 – 19 agosto 1924. (1924). Aprova o Regulamento do Ensino Primário. Colleção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Belo Horizonte: Imprensa Oficial.

Decreto n. 7.877 – 30 de agosto de 1927. (1928). Aprova o Regulamento do Ensino Primário. Colleção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Belo Horizonte: Imprensa Oficial, vol.II.

Decreto n. 11.233 – 20 de fevereiro de 1934. (1934). Extingue o cargo de inspector geral da instrução e diretor da "Revista do Ensino", e cria os cargos de auxiliar técnico do Secretário da Educação e diretor da "Revista do Ensino. Colleção das Leis e Decretos de 1934. Belo Horizonte: Imprensa Oficial.

Decreto-lei n. 1.724 – 24 de abril de 1946. (1946). Dá autonomia e nova denominação à Diretoria de Saúde Pública. Belo Horizonte: Minas Gerais.

Decreto n. 6.002 – 29 de nov. de 1960. (1960). Aprova o regulamento da Secretaria de Educação. Belo Horizonte: Diário do Executivo.

Faria Filho, L. M. (1997). A história da educação e os desafios das novas fontes: reflexões sobre uma trajetória de pesquisa. Revista História da Educação, 1(2), 111-125.

Farias, K. S. C. S. (2014). Jornais, revistas e periódicos – corpus forte em histórias do ensino de matemática: isso nos dizem as pesquisas do HIFEM. In A. de J. Brito, K. S. C. Farias S. & M. Â. Miorim (Orgs.). Pesquisas históricas em jornais e revistas: produções do HIFEM. São Paulo: Editora Livraria da Física.

Fernandes, F. S. & Kuhlmann Júnior, M. (2012). Análise de periódicos na história da educação: princípios e procedimentos. Cadernos de Pesquisa, 42, 562-585.

Lei 41 de 3 de agosto de 1892. (1893). Da nova organização à instrução pública do Estado de Minas. Colleção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais em 1892. Ouro Preto: Imprensa Oficial de Minas Gerais.

Lei n. 2.829 – 08 de fev. de 1963. (1963). Dispõe sobre a “Revista do Ensino”, órgão da Secretaria da Educação. Belo Horizonte: Minas Gerais Diário do Executivo.

Luca, T. R. de. (2005). História dos, nos e por meio dos periódicos. In C. B. Pinsky, (Org.). Fontes Históricas. São Paulo: Contexto.

Mendonça, T. N. (2016). Que geometria ensinar às crianças em tempos de matemática moderna? Referências e práticas de uma professora da cidade de Juiz de Fora. Dissertação de Mestrado Profissional em Educação Matemática. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora.

Rezende, A. M. S. de. (2016). Apropriações de teorias de Edward Lee Thorndike para o ensino dos saberes elementares matemáticos em revistas pedagógicas brasileiras (1920-1960). Dissertação de Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática. São Cristóvão: Fundação Universidade Federal de Sergipe.

Revista do Ensino. (1925). Belo Horizonte: Diretoria da Instrução Pública do Estado de Minas Gerais, 1(1).

Revista do Ensino. (1925b). Belo Horizonte: Diretoria da Instrução Pública do Estado de Minas Gerais, 1(7).

Revista do Ensino. (1931). Belo Horizonte: Diretoria Inspetoria Geral da Instrução do Estado de Minas Gerais, 7(53-55).

Rios, D. F. & Fischer, M. C. B. (2016) Especialmente dedicada aos futuros espaçonautas: discursos modernizadores nos artigos da Campanha de Matemática da Revista do Ensino/RS. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, 16(49), 589-610.

Sousa, C. P. de & Catani, D. B. (1994). A imprensa periódica educacional e as fontes para a História da Cultura Escolar Brasileira. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São Paulo, (37), 177-183.

Toledo, C. de A. A. de & Skalinski Junior, O. (2012). A imprensa periódica como fonte para a História da Educação: Teoria e Método. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, (48), 255-268.

Publicado
2019-03-31
Como Citar
Britto, F. A., & Gomes, M. L. M. (2019). História da educação Matemática na Revista do Ensino de Minas Gerais (1925-1971). Zetetike, 27, e019007. https://doi.org/10.20396/zet.v27i0.8653725
Seção
Dossiê - Impressos para o ensino ou textos de referência e História da Educação Matemática: leituras e interpretações

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)