Livros didáticos e outros materiais escritos no Colégio Técnico da UFMG (1969-1997)

Palavras-chave: Livros didáticos de Matemática. Estudo dirigido e instrução programada. Colégio Técnico da UFMG. História oral.

Resumo

Este artigo aborda o uso de livros didáticos e outros materiais escritos nas práticas dos professores de Matemática do Colégio Técnico da Universidade Federal de Minas Gerais no período 1969-1997. O trabalho resulta de uma pesquisa fundamentada na metodologia da História Oral, com a realização de 16 entrevistas com antigos professores e alunos da escola. Os depoimentos dos professores minimizaram o papel dos livros em suas práticas, acentuando a sua própria produção de materiais escritos, com destaque para estudos dirigidos e instruções programadas para as aulas. Os testemunhos dos alunos se referiram à pouca frequência de aulas expositivas decorrente do uso desses materiais e em geral não enfatizaram o uso de livros. Entretanto, a análise das narrativas revelou que os livros didáticos estiveram muito presentes nas práticas desenvolvidas na escola, por serem essenciais à preparação e à realização dos estudos dirigidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kelly Maria de C. Fornero A. L. Melillo, Colégio Técnico da Universidade Federal de Minas Gerais
Professora de Matemática do Colégio Técnico da UFMG. Doutora em Educação, pela Faculdade de Educação da UFMG.
Maria Laura Magalhães Gomes, Universidade Federal de Minas Gerais
Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas. Bolsista de Produtividade do CNPq. Professora do Departamento de Matemática e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Minas Gerais, Brasil.

Referências

Alberti, V. (2003). Narrativas na história oral. Anais eletrônicos do 22º Simpósio Nacional de História (pp. 1-10). João Pessoa: Associação Nacional de História. Retirado em 27 de novembro, 2018, de: http://bibliotecadigital.fgv.br/dspace/bitstream/handle/10438/6705/1346.pdf?sequence=1&isAllowed=y.

Batista, A. A. G. (1999). Um objeto variável e instável: textos, impressos e livros didáticos. In M. Abreu (Org.). Leitura, História e História da Leitura (pp. 529-575). Campinas: Mercado de Letras; Associação de Leitura do Brasil/ São Paulo: Fapesp.

Dassie, B. A. (2012a). A Comissão Nacional do Livro Didático após 1945 e os livros de matemática aprovados para uso no ensino secundário. Revista HISTEDBR On-line, 47, 88-107.

Dassie, B. A. (2012b). Da fragmentação à fusão: os primeiros livros didáticos no Brasil denominados de matemática. Perspectivas da Educação Matemática, 5, 7-27.

Dassie, B. A. (2018). Analisar livros didáticos: trajetos e caminhos percorridos. Revista de História da Educação Matemática. 4, 59-74.

Dassie, B. A. & Costa, D. A. da (2014). Livros didáticos como fonte: o que dizem as pesquisas apresentadas no I ENAPHEM. In W. R. Valente (Org.) História da Educação Matemática no Brasil: problemáticas de pesquisa, fontes, referências teórico-metodológicas e histórias elaboradas (pp. 200-209). São Paulo: Livraria Editora da Física.

Galvão, A. M. O. & Batista, A. A. G. (2008). Manuais escolares e pesquisa em história. In Veiga, C.G.; Fonseca, T.N.L (Orgs.) História e historiografia da educação no Brasil (pp. 161-188). Belo Horizonte: Autêntica.

Garnica, A. V. M. (2015). História oral em educação matemática: um panorama sobre pressupostos e exercícios de pesquisa. História Oral, 18(2), 35-53.

Garnica, A. V. M., Fernandes, D. N. & Silva, H. da. (2011). Entre a amnésia e a vontade de nada esquecer: notas sobre regimes de historicidade e história Oral. Boletim de Educação Matemática (Bolema), 25(41), 213-250.

Giani, L. M. C. de C. (2004). Concepções de professores de Matemática: considerações à luz do processo de escolha de livros-texto. Dissertação de Mestrado em Educação para a Ciência. Bauru: Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”.

Melillo, K. M. de C. F. A. de L. (2018). História de práticas de ensinar-aprender Matemática no Colégio Técnico da UFMG-Coltec (1969-1997). Tese de Doutorado em Educação. Belo Horizonte: Universidade Federal de Minas Gerais.

Mendes, I. A., & Valente, W. R. (Orgs.) (2017). A matemática dos manuais escolares - curso primário, 1890-1970. São Paulo: Editora Livraria da Física.

Meihy, J. C. S. B. & Ribeiro, S. L. S. (2011). Guia prático de história oral: para empresas, universidades, comunidades, famílias. São Paulo: Contexto.

Munakata, K. (2012). O livro didático: alguns temas de pesquisa. Revista Brasileira de História da Educação,12, 179-197.

Muniz, N.C. (2013). Relatos de memórias: a trajetória histórica de 25 anos da Sociedade Brasileira de Educação Matemática (1988-2013). São Paulo: Editora Livraria da Física.

Pires Júnior, W. J. (2017). A Educação Matemática e a produção de livros didáticos: entrevista com o educador matemático Luiz Márcio Imenes. Revista de Investigação e Divulgação em Educação Matemática, 1(1), 96-118.

Rocha, H. H. P., & Somoza, M. (2012). Apresentação do dossiê Manuais escolares: múltiplas facetas de um objeto cultural. Pro-Posições, 23(3), 21-31.

Saviani, D. (2007). História das ideias pedagógicas no Brasil. Campinas: Autores Associados.

Trotta, F., Imenes, L. M. P., & Jakubovic, J. (1980). Matemática Aplicada. São Paulo: Moderna.

Valente, W. R. (2010). Programas e livros didáticos modernos para o ensino de matemática no Brasil: de Euclides Roxo a Osvaldo Sangiorgi. In W. R. Valente & J. M. Matos (Orgs.). A reforma da Matemática Moderna em contextos ibero-americanos (pp. 77-102). Lisboa: UIED/FCT/UNL.

Vieira, G. M. & Gomes, M. L. M. (2014). Livros didáticos e formação de professores que ensinam Matemática nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Educar em Revista, 54, 257-273.

Vinão, A. (2012). Historia de las disciplinas, profesionalización docente y formación de professores: el caso español. Pro-Posições, 23(3), 103-118.

Publicado
2019-03-31
Como Citar
Melillo, K. M. de C. F. A. L., & Gomes, M. L. M. (2019). Livros didáticos e outros materiais escritos no Colégio Técnico da UFMG (1969-1997). Zetetike, 27, e019003. https://doi.org/10.20396/zet.v27i0.8654121
Seção
Dossiê - Impressos para o ensino ou textos de referência e História da Educação Matemática: leituras e interpretações

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)