Banner Portal
O currículo de matemática do programa gestão da aprendizagem escolar
PORTUGUÊS
INGLÊS

Palavras-chave

Formação continuada
Gestar I
Ensino de matemática

Como Citar

ALMEIDA, Laura Isabel Marques Vasconcelos de; SANTOS, Elizaine Vaz. O currículo de matemática do programa gestão da aprendizagem escolar. Zetetike, Campinas, SP, v. 30, n. 00, p. e022006, 2022. DOI: 10.20396/zet.v30i00.8667894. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8667894. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

Este artigo é parte da dissertação de mestrado e objetiva analisar os conteúdos do Programa Gestar I constituídos pelo Guia Geral, Cadernos de Psicopedagogia, Teoria e Prática (TP) e Atividades de Apoio à Aprendizagem (AAA), destinados à formação continuada de professores dos Anos Iniciais, no período de 2001 a 2004, com ênfase na disciplina de Matemática, nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. A abordagem metodológica centra-se na vertente Histórico-Cultural e apontam vestígios das práticas do Programa que se baseiam nas habilidades e competências orientadas pelo Parâmetro Curricular Nacional de Matemática, entoando ações intrínsecas da disciplina desfazendo-se de práticas de memorização, utilizando a linguagem matemática, símbolos e representações que se unem ao pensamento da construção da aprendizagem com ênfase na prática social do aluno, uso de recursos didáticos e estratégias significativas organizadas pelo professor que possam ser apropriadas pelos alunos.

https://doi.org/10.20396/zet.v30i00.8667894
PORTUGUÊS
INGLÊS

Referências

Bertini, L. F.; Moraes, R. S.; Valente, W.R. A matemática a ensinar e a matemática para ensinar: Novos estudos sobre a formação de professores. Livraria da Física, 2017.

Bertoni, N. E. A construção do conhecimento sobre fracionário. Boletim de Educação Matemática, Rio Claro, Ano 21, n. 31, p. 209-237, 2008.

Bertoni, N. E. Pedagogia: Educação e linguagem matemática IV. Frações e Números fracionários. Universidade de Brasília, 2009.

Chartier, R. A história cultural: entre práticas e representações. Lisboa: DIFEL, 1990.

Chervel, A. (1990). História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Teoria & Educação, 2, 177-229.

D’Ambrosio; U. Machado, N.J. Ensino de matemática. Summus editora, 2011.

Hofer, A. Geometria é mais que prova. Revista Professor de Matemática. Rio de Janeiro 1981. Disponível em: https://www.ime.usp.br/~brolezzi/publicacoes/geometria.pdf. Acesso em: 20 set. 2021.

Hofstetter, R.; Schneuwly, B.; Valente, W. R. Uma história da matemática escolar no Brasil, 1730-1930. São Paulo: Annablume/Fapesp, 2017.

Julia, D. A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira História e Educação. n.1, p. 9-43, 2001.

Leme da Silva, M. C.; Silva, C. M. S. Observação e experiência como fio condutor da Geometria de Heitor Lyra da Silva. Zetetike, 2019.

Matos, R. R. (2012). O PCN de Matemática no Ensino Fundamental: Um exame sobre o processo de elaboração e a divulgação em Sergipe. Dissertação de Mestrado Universidade Federal de Sergipe.

Ministério da Educação (MEC). Plano Decenal da Educação. Brasília, 1993.

Ministério da Educação (MEC). Parâmetros Curriculares Nacionais: PCN Matemática. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília, 1997.

Ministério da Educação (MEC). Guia Geral do Programa Gestão da Aprendizagem Escolar (Gestar I). Brasília,2002.

Ministério da Educação (MEC). Guia Geral. Gestar I: Compromisso com a qualidade social do ensino. Brasília, 2002.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 1: Planejando o Ensino de Matemática. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 2: Número Natural: conceito e representação. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 3: Operações com Números Naturais. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 4: Medidas e Grandezas. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 5: Geometria I. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 6: Número Racional: conceito e representação. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 7: Geometria II: figuras planas – características geométricas e métricas. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Teoria e Prática 8: Operações com números racionais. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 1: Número Natural: conceito e representação. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 2: Operações com Números Naturais. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 3: Medidas e Grandezas. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 4: Geometria I. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 5: Número Racional: conceito e representação. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 6: Geometria II: figuras planas características geométricas e métricas. Brasília, 2007.

Ministério da Educação (MEC). Caderno Atividade de Apoio à Aprendizagem 7: Operações com Números Racionais. Brasília, 2007.

Muniz, C. A. Brincar e jogar: enlaces teóricos e metodológicos no campo da educação matemática. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

Nogueira, G. (2005). Política de Formação Continuada de Professores no Estado de Mato Grosso 1995-2005. Universidade Federal De Mato Grosso Instituto de Educação Programa de Pós-Graduação em Educação, Cuiabá.

Perrenoud, P. Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: Artmed, 2000.

Pavanello, R. M. (2009). O abandono do ensino da geometria no Brasil: causas e consequências. Zetetike.

Pietropaolo, R. C. (1999) Parâmetros Curriculares Nacionais de Matemática: um estudo dos pareceres. Dissertação de Mestrado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Sacristán, J. G. O currículo: uma reflexão sobre a prática. Porto Alegre: ArtMed, 1998.

Valente, W. R. A Educação Matemática e os estudos históricos comparativos. História da Educação. Ediciones Universidad de Salamanca, 2009.

Valente, W.R. História da educação matemática: considerações sobre suas potencialidades na formação do professor de matemática. Bolema, Rio Claro – SP, v. 23, n. 35A, abr. 2010.

Valente, W. R. Por uma história comparativa da Educação Matemática. Cadernos de Pesquisa, V. 42, p. 162-178, 2012.

Valente, W. R.; Almeida, A. F.; Silva, M. C. Saberes em (Trans)formação e o Papel dos Experts: currículos, ensino de matemática e formação de professores, 1920-2020. Revista Acta Scientiae, 2020.

Vece, J. P.; Curi, E.; Santos, C. A. Currículos de Matemática: análise das orientações didáticas sobre as grandezas e medidas no ciclo de alfabetização. Revista Educação Matemática e Pesquisa, 2017.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Zetetiké

Downloads

Não há dados estatísticos.