Banner Portal
Educação Física, ontologia marxista e materialismo sem corpo
capa 2023 com foto das primeiras edições da revista impressas
PDF

Palavras-chave

Corpo
Ontologia
Marxismo
Educação Física

Como Citar

CORREIA, Elder Silva; ZOBOLI, Fábio; ALMEIDA, Felipe Quintão de. Educação Física, ontologia marxista e materialismo sem corpo. Conexões, Campinas, SP, v. 21, n. 00, p. e023005, 2023. DOI: 10.20396/conex.v21i00.8671797. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8671797. Acesso em: 26 maio. 2024.

Resumo

Objetiva retomar reflexões de estudos anteriores para fazer a crítica a ontologia marxista a fim de interpelar consequências da “virada ontológica” no campo da Educação Física. Conclui-se que falta a perspectiva ontológica em pauta reconhecer a existência de uma linguagem corpórea como via legítima do conhecimento, um saber orgânico, um conhecer no mover-se que é aquém da consciência, que antecede a compreensão humana e que só é possível porque há um corpo que age no mundo. Assim, acena para uma reversão de tal ontologia, indicando que seu avesso pode ser um caminho fértil para uma virada ontológica na Educação Física a partir das variações intensivas do corpo.

https://doi.org/10.20396/conex.v21i00.8671797
PDF

Referências

ALMEIDA, Felipe Quintão de.; VAZ, Alexandre Fernandez Vaz. Do giro linguístico ao giro ontológico na atividade epistemológica em educação física. Movimento, v. 16, n. 3, p. 11–28, 2010. Disponível em: https://doi.org/10.22456/1982-8918.12485. Acesso em: 20 jan. 2023.

ALMEIDA, Felipe Quintão de. Organismo, corpo e linguagem na Educación Corporal: una mirada? Crítica. Conexões, v. 19, p. 1-19, 2021. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8661452. Acesso em: 14 nov. 2022.

ALMEIDA, Felipe Quintão de; GOMES, Ivan Marcelo. Traçados analíticos e esforços de autointerpretação: uma entrevista com Valter Bracht. In: ALMEIDA, Felipe Quintão de; GOMES, Ivan Marcelo (Org.). Valter Bracht e a Educação Física: um pensamento em movimento. Ijuí: Unijuí, 2014. p. 239-315.

ARAUJO, Arthur. Intencionalidade e Umwelt. Filosofia Unisinos, v. 19, p. 105-120, 2018. Disponível em: https://revistas.unisinos.br/index.php/filosofia/article/view/fsu.2018.192.01. Acesso em: 01 nov. 2022.

ÁVILA, Astrid. Pós-graduação em educação física e as tendências na produção do conhecimento: o debate entre realismo e antirrealismo. 2008. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2008.

ÁVILA, Astrid; MULLER, Carlos Herold; ORTIGARA, Vidalcir. Ciência e ontologia: alguns apontamentos para refletir a pesquisa em educação física. In: Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte/Congresso Internacional de Ciências do Esporte, 15. e2., 2007, Recife. Anais... Recife: CONBRACE, CONICE, 2007.

BETTI, Mauro. O que a semiótica inspira ao ensino da educação física. Discorpo, n. 3, p. 25-45, 1994. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Mauro-Betti/publication/281407725_O_que_a_semiotica_inspira_ao_ensino_da_educacao_fisica/links/55e5b5c908aede0b57371d0c/O-que-a-semiotica-inspira-ao-ensino-da-educacao-fisica.pdf. Acesso em: 10 nov. 2022.

BETTI, Mauro. Corpo, motricidade e cultura: a fundação pedagógica da educação física sob uma perspectiva fenomenológica e semiótica. 2006. Relatório de pesquisa apresentado ao Departamento de Educação Física da Faculdade de Ciências. Bauru, 2006.

BETTI, Mauro. As três semióticas e a educação física como linguagem. Conexões, v. 19, e021021, 2021. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8661420. Acesso em: 15 nov. 2022.

BRACHT, Valter. Educação física e ciência: cenas de um casamento (in)feliz. Ijuí: Unijuí; 1999.

BRACHT, Valter. Depoimento. In: CASTELLANI FILHO, Lino. (Org.). Metodologia do Ensino da Educação Física. São Paulo: Cortez, 2009, p. 143-155.

BRACHT, Valter. A Educação Física escolar no Brasil: o que ela vem sendo e o que pode ser (elementos de uma teoria pedagógica para a Educação Física). Ijuí: Unijuí, 2019.

CORREIA, Elder Silva. A virada ontológica na educação física: da potência de movimento ao plano eto-educacional. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Sergipe, Aracajú, 2022.

COLETIVO DE AUTORES. Metodologia do ensino de educação física. 2.ed. São Paulo: Cortez, 2009.

GAMBOA, Silvio. Reações ao giro linguístico: o "giro ontológico" ou o resgate do real independente da consciência e da linguagem. In: Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte/Congresso Internacional de Ciências do Esporte, 15. e2., 2007, Recife. Anais... Recife: CONBRACE, CONICE, 2007.

MASSUMI, Brian. O que os animais nos ensinam sobre política. São Paulo: n-1 edições, 2017.

HÚNGARO, Edson Marcelo. Modernidade e totalidade: em defesa de uma categoria +-ontológica. 2001. 246f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) – Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), São Paulo, 2001.

HÚNGARO, Edson Marcelo. Trabalho, tempo livre e emancipação humana: os determinantes ontológicos das políticas sociais de lazer. 2008. 266f. Tese (Doutorado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Campinas, 2008.

LAPOUJADE, David. Deleuze, os movimentos aberrantes. São Paulo: n-1 edições, 2015.

OLIVEIRA, Rogério Paes. A participação da educação física na formação humana: uma necessidade onto-histórica para além da particularidade do capital. 2018. Dissertação (Mestrado em Educação) – Mestrado Acadêmico em Educação do Centro de Educação da Universidade Estadual do Ceará, Universidade Estadual de Ceará, Fortaleza/CE, 2018.

ORTIGARA, Vidalcir. Ausência sentida nos estudos em educação física: a determinação ontológica do ser social. 2002. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2002.

ORTIGARA, Vidalcir. Movimento humano, ontologia do ser social e educação física. Motrivivência, v. 36, n. 36, p. 63-74, 2011. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2011v23n36p63. Acesso em: 09 out. 2022.

VAZ, Alexandre Fernandez. Certa herança marxista no recente debate da Educação Física no Brasil. Movimento, Porto Alegre, v. 25, p. 1-12, 2019. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/96236. Acesso em: 15 nov. 2022.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Conexões

Downloads

Não há dados estatísticos.