Vertentes teório-metodológicas norteadoras dos Trabalhos de Conclusão de Curso de Pedagogia da FURB no período de 2001 a 2006

Autores

  • Maria Aparecida Porto Lucas Universidade Regional de Blumenau
  • Rita Buzzi Rausch Universidade Regional de Blumenau

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v10i1.1023

Palavras-chave:

Pedagogia. Iniciação à pesquisa. Trabalho de conclusão de curso. Metodologia da pesquisa.

Resumo

Analisamos as vertentes teórico-metodológicas que nortearam os TCCs da Pedagogia da FURB no período de 2001 a 2006. Fizemos uma análise documental dos 321 trabalhos realizados. Constatamos que todos os trabalhos desenvolvidos voltaram-se à área da Educação. Quanto às subáreas, predominaram: educação pré-escolar, psicologia educacional, educação especial e sociologia da educação. Os teóricos mais utilizados foram: Vygotsky, Piaget, Kramer, Freire, Áries, Wallon e Ferreiro. Frente às subáreas, sugerimos que as futuras pesquisas contemplem investigações nos campos não ou poucos explorados. Entendemos que os clássicos são importantes e precisam ser utilizados, entretanto, sentimos falta, em alguns trabalhos, de autores mais específicos ao objeto em estudo. As pesquisas, em sua maioria, delinearam-se na abordagem qualitativa, destacando-se o uso de dados quantitativos em alguns trabalhos. Quanto aos tipos de pesquisa predominaram a pesquisa exploratória, participante e estudo de caso. Consideramos que estes tipos de pesquisa estão relacionados ao processo de iniciação à pesquisa. Os instrumentos de coleta de dados, os mais utilizados foram o questionário, precedido da entrevista e da observação. Cabe ressaltar, que muitos acadêmicos utilizaram mais de um instrumento, o que possivelmente possibilitou compreender o objeto sob vários aspectos. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Aparecida Porto Lucas, Universidade Regional de Blumenau

Atualmente é Bolsista de pesquisa (CNPQ) na Universidade Regional de Blumenau - FURB. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Infantil.

Rita Buzzi Rausch, Universidade Regional de Blumenau

Pedagoga. Doutora em Educação. Atua como docente e pesquisadora no curso de Pedagogia na Fundação Regional de Blumenau (FURB) – SC.

Referências

ANDRÉ, M. Ensinar a pesquisar... Como e para quê? In: SILVA, A. M. M. et al. (Orgs.). Educação formal e não formal, processos formativos e saberes pedagógicos: desafios para a inclusão social. Recife: ENDIPE, 2006.

ANDRÉ, M; LUDKE, M. Pesquisa em educação. Abordagens Qualitativas. São Paulo. E.P.U, 1986.

BEILERROT, J. A pesquisa: esboço de uma análise. In: ANDRÉ, M. (Org.). O papel da pesquisa na formação e na prática dos professores. Campinas: Papirus, 2001.

BOGDAN, R; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Portugal: Porto, 1994

BRASIL. CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Proposta de diretrizes para a formação inicial de professores da educação básica em cursos de nível superior. 2001.

BRASIL. CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Diretrizes curriculares nacionais para o curso de pedagogia, 2005.

CERVO, A. L; BERVIAN, P. A. Metodologia Científica. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2002.

CHIZZOTTI, A. A pesquisa em Ciências Humanas e Sociais. São Paulo: Cortez, 2001.

CRESWELL, J.W. Research design: qualitative, quantitative, ande mixed methods appro aches. Thousand Oaks, CA: Sage, 2003.

FERREIRA SOBRINHO, J. W. Metodologia do ensino jurídico e avaliação em Direito. Porto Alegre: Sergio Antonio Fabris Editor, 1997.

FURB. Projeto político pedagógico do curso de pedagogia. Blumenau: FURB, 2004.

FURB. Regulamento do trabalho de conclusão de curso de pedagogia. Resolução no 29, de 27 de junho de 2001.

GAMBOA, S. S. Epistemologia da pesquisa em educação. Campinas: Praxis, 1996.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo; Atlas. 2002.

HAGUETE, T. M. F. Metodologias qalitativas na sociologia. Petrópolis. Vozes, 1987.

LÜDKE, M. Investigando sobre o professor e a pesquisa. In ROMANOWSKI, J.; MARTINS, P.; JUNQUEIRA, S. (Orgs.). Conhecimento local e conhecimento universal: pesquisa, didática e ação docente. Anais do XII ENDIPE. Curitiba, Champagnat, 2004.

LÜDKE, M.; CRUZ, G. B. da. Aproximando universidade e escola de educação básica pela pesquisa. São Paulo: Cadernos de Pesquisa, n. 125, v. 35, p. 81-109, 2005.

LUNA, S. V. O falso conflito entre as tendências metodológicas. In: FAZENDA, I. (Org.). Metodologia da pesquisa educacional. São Paulo: Cortez, 1989.

MATTAR, F. Pesquisa de marketing. São Paulo: Atlas, 1993.

MOREIRA, H; CALEFFE, L. Metodologia da pesquisa para o professor pesquisador. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.

YIN, R. K. Case study research: design and methods. USA: Sage Publication, 1989.

Downloads

Publicado

2009-02-04

Como Citar

Lucas, M. A. P., & Rausch, R. B. (2009). Vertentes teório-metodológicas norteadoras dos Trabalhos de Conclusão de Curso de Pedagogia da FURB no período de 2001 a 2006. ETD - Educação Temática Digital, 10(1), 176–197. https://doi.org/10.20396/etd.v10i1.1023