O corpo e as sensibilidades modernas: Bragança (1900-1920)

  • Maria de Fátima Guimarães Bueno Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Corpo. Sensibilidade. Pratica de leitura. Fotografias.

Resumo

Este trabalho focaliza sensibilidades relativas ao corpo que perpassam o cotidiano urbano de uma cidade do interior do estado de São Paulo, então conhecida por Bragança, em fins do século XIX e nas duas primeiras décadas do século XX. Na busca de tais sensibilidades atentou-se para visões de civilização, de privacidade e de individualismo, porque estas tendem a balizar o imaginário de uma época, identificada por modernidade. Considerou-se que tais visões estão ancoradas em idéias liberais, positivistas e românticas e que estas, por sua vez, são perpassadas pela emergência de novas práticas de leitura. Periódicos e fotografias foram tomados como fontes privilegiadas da pesquisa. As contribuições teóricas de Peter Gay, Michel Foucault e Walter Benjamin foram fundamentais para este trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria de Fátima Guimarães Bueno, Universidade Estadual de Campinas
Doutora em Educação pela UNICAMP, mestre em Ciências da Informação pela PUC-Campinas, especialista em Arquivos pela FE-UNICAMP, graduada em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Plínio Augusto do Amaral, bacharel e licenciada em História pela UNICAMP. Realizou o pós-doutorado no CMU-UNICAMP.

Referências

ADORNO, Sérgio. Apresentação. In: MARQUES, Vera Regina Beltrão. A medicalização da raça: médicos, educadores e discurso eugênico. Campinas, SP: UNICAMP, 1994.

AGUIRRE, Cônego José de. Parochia de Bragança. Bragança, SP: Paternostro Irmãos & C. e Casa Mayença, 1919.

ALMEIDA, Jane Soares de. Vestígios para uma reinterpretação do magistério feminino em Portugal e Brasil. In: SOUZA, Rosa F de, Valdemarin; Vera; ALMEIDA, Jane S. O legado educacional do século XIX. Araraquara, SP: UNESP – Faculdade de Ciências e Letras, 1998.

ALVIM, Zuleika. Imigrantes: a vida privada dos pobres no campo. In: NOVAIS, Fernando. História da vida privada no Brasil, v.3; Org. Nicolau Sevcenko. SP: Companhia das Letras, 1998.

ARAUJO, Francisco César de. Estrada de Ferro Bragantina – uma trajetória nos trilhos do tempo (1872-1967). Bragança Paulista, SP: Prefeitura Municipal de Bragança Paulista/Secretaria Municipal de Cultura, Esportes e Turismo, 1998. Bragança-Revista. 1952.

ARAÚJO, Francisco César de. História da imprensa bragantina. Bragança Paulista. Datilografado. 277 ARGAN, Giulio. Arte moderna. SP: Companhia das Letras, 1992.

ARENDT, Hannah. A condição humana. RJ: Forense-Universitária-Salamandra; SP: USP, 1981.

AUERBACH, Erich. Mimesis. SP: Perspectiva, 1976.

BAKHTIN, Mikhail. A cultura popular na Idade Média e no Renascimento - o contexto de François Rabelais. São Paulo: HUCITEC; Brasília: UNB, 1993.

BARTHES, Roland. A câmara clara. RJ: Nova Fronteira, 1984.

BASTOS, Ana Cristina do Canto Lopes. Autos Cíveis de Tutoria e Contrato de Órfãos na Comarca de Bragança Paulista - SP 1871-1900. 2005. Dissertação (Mestrado) - FE da Universidade São Francisco, Itatiba, SP.

BENJAMIN, Walter. Livros infantis antigos e esquecidos. In: Magia e técnica, arte e política, Obras escolhidas. 2. ed., São Paulo: Brasiliense, 1986 a.

BENJAMIN, Walter. Paris do segundo Império - A boêmia; Flâuner; A modernidade, 1ª ed. São Paulo: Brasiliense, 1989.

BENJAMIN, Walter. Pequena história da fotografia. In: Magia e técnica, arte e política, Obras escolhidas. 2. ed., São Paulo: Brasiliense, 1986 b.

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de história. In: Magia e técnica, arte e política, Obras escolhidas. 2. ed., São Paulo: Brasiliense, 1986 c.

BERMANN, Marshall. Tudo o que é sólido se desmancha no ar: a aventura da modernidade. SP: Companhia das Letras, 1986.

BICCAS, Maurilane Souza, CARVALHO, Marta Maria Chagas de. Reforma escolar e práticas de leitura de professores: a Revista do Ensino. In: CARVALHO, Marta M. Chagas de Carvalho; VIDAL, Diana G. (Org.). Biblioteca e formação docente: percursos de leitura (1902-1935). BH: Autêntica; Centro de Memória da Educação FE/USP; FINEP,2000.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. A compaixão pelos pobres no século XIX: um sentimento político. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio (Org.). Palavra e imagem: memória e escritura. Chapecó, SC: Argos, 2006.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. Da perplexidade política à certeza cientifica: uma história em quatro atos. In: Rev. Bras. de Hist. SP: ANPUH/Marco Zero v.12, nº23/24, set. 91/ag. 92.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. História e historiografia das cidades, um percurso. In: FREITAS, Marcos (Org.). Historiografia brasileira em perspectiva. São Paulo: Contexto, 1998.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. Londres e Paris no século XIX: o espetáculo da pobreza. SP: Brasiliense, 1982.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. Metrópole: as faces do monstro urbano (as cidades no século XIX). In: Revista Brasileira de História. SP: Marco Zero, v. 5, n° 8/9, p. 35-68, 1985.

BUCAILLE, Richard, PESEZ, Jean-Marie. Cultura Material. In: Enciclopédia Einaudi, v.16, p. 11-47. Lisboa: Imprensa Nacional/Casa da Moeda, 1989 BUENO, Maria de Fátima Guimarães. Algumas questões sobre a história de Bragança Paulista. In: Boletim CDAPH. Bragança Paulista, SP: CDAPH/IFAN, v. I nº1, p. 25-27, 1997.

CALDEIRA, João Netto. As nossas riquezas, volume III, publicado em 1929. Composições da Câmara Municipal 1798 a 1992, Cadernos de Memória publicado pela Câmara Municipal da Estância de Bragança Paulista em novembro de 1992.

CARVALHO, José Murilo de. A formação das almas: o imaginário da República do Brasil. SP: Companhia das Letras, 1990.

CARVALHO, Marta Maria Chagas de. Reformas da Instrução Pública. Org. por Eliane M. T. Lopes, Luciano M. de Faria Filho, Cynthia G. Veiga. Belo Horizonte: Autêntica, 2000.

CASA NOVA, Vera. Lições de almanaque: um estudo semiótico. BH: UFMG, 1996.

CASTORIADIS, Cornelius. A experiência do movimento operário. SP: Editora Brasiliense, 1985.

CERTEAU, Michel de. Histórias de corpos. In: Projeto História: revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História e do Departamento de História da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, (25), SP: EDUC, dez. 2002, p. 407-412.

CHALOUB, Sidney. Cultura e democracia: o discurso competente e outras falas. 11ª ed. rev. e ampl. SP: Cortez, 2006.

CHALOUB, Sidney. Leituras e leitores na França do Antigo Regime. SP: UNESP, 2004.

CHAUI, Marilena. Brasil: mito fundador e sociedade autoritária. SP: Perseu Abramo, 2004.

CHALOUB, Sidney. Trabalho, lar e botequim: o cotidiano dos trabalhadores no Rio de Janeiro da belle époque. 2ª ed. Campinas, SP: UNICAMP, 2001.

CHARTIER, Roger. A aventura do livro: do leitor ao navegador. SP: UNESP, 1998.

COCCHIARALE, Fernando; MATESCO, Viviane; JEUDY, Henri-Pierre; SANT’ANNA, Denise B. de; KEHL, Maria Rita; MONTES, Maria Lucia; SANTAELLA, Lucia; LEÃO, Lucia; GREINER, Christine; CIRÍACO, Gustavo; BARBOSA, Frederico; ROCHA, Janaina; SENRA, Stella; ROCHA, Thereza. Corpo. SP: Itaú Cultural, 2005. Textos relacionados à exposição O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira, ao seminário Corpo Representado e ao evento multidisciplinar, realizados pelo Itaú Cultural de 30/03 a 29/05 de 2005.

COLLARES, Cecília A. L.; MOYSÉS, Maria Apparecida A. A transformação do espaço pedagógico em clínico (a patologização da educação). Disponível em: www.cmmcovas. Acesso em: 07/07/2003 10 hs

CORRÊA, Marisa. Ilusões da liberdade: A Escola Nina Rodrigues e a antropologia no Brasil. Bragança Paulista, SP: EDUSF, 1998.

CORRÊA, Marisa. Morte em família. RJ: Graal, 1983.

COSTA, Ângela Marques da; SCHWARCZ, Lilia Moritz. 1890-1914: no tempo das certezas. SP: Companhia das Lestras, 2000.

COSTA, Jurandir Freire. Ordem Médica e Norma Familiar. RJ: Graal, 1999.

CUNHA, Maria Clementina Pereira. O espelho do mundo: Juquery, a história de um asilo. RJ: Paz e Terra, 1986.

DARMON, Pierre. O tribunal da impotência: virilidade e fracassos conjugais na antiga França. RJ: Paz e Terra, 1988. DAVIS, Natalie Zemon. O retorno de Martin Guerre. RJ: Paz e Terra, 1987.

DARNTON, Robert. História que os camponeses contam: o significado de mamãe ganso. In: O grande massacre de gatos e outros episódios da história cultural francesa. RJ: Graal, 1986.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo. Trad. Estela dos Santos Abreu. RJ: Contraponto, 1997.

DIAS, Maria Odila Leite da Silva. Apresentação. In: SEVCENKO, Nicolau. Orfeu extático na metrópole: São Paulo, sociedade e cultura nos freementes anos 20. SP: Companhia das Letras, 1992.

DINIZ, Maria Augusta Vasconcellos. Bragança Paulista Bi-centenária. Bragança Paulista: Patrocinado por Alberto Diniz, 1964. 240 anos de Bragança Paulista – lideranças/ desenvolvimento. Revista Fórmula & Vida, Bragança Paulista, dez./2003. Guia da Cidade, publicada pelo então Prefeito Municipal Alberto Diniz no ano de 1977.

DONZELOT, Jacques. A política das famílias. RJ: Graal, 1986. 285 ELIAS, Nobert. O processo civilizador. RJ: Jorge Zahar, 1994. 2 v.

DUBOIS, Philippe. O ato fotográfico e outros ensaios. Campinas, SP: Papirus, 1993.

FARIA FILHO, Luciano Mendes. Instrução elementar no século XIX. In: LOPES, Eliane M. T.; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000.

FAUSTO, Boris. Crime e cotidiano: a criminalidade em São Paulo (1880-1924). SP: Brasiliense, 1984.

FAUSTO, Boris. História Concisa do Brasil. SP: USP; Imprensa Oficial do Estado, 2001.

FAUSTO, Boris. História do Brasil. São Paulo: USP; FDE, 1996.

FFLCH-USP, SP. SALIBA, Elias T. As utopias românticas. SP: Estação Liberdade, 2003.

FOUCAULT, Michel. Arqueologia do saber. RJ: Forense; Universitária, 1987.

FOUCAULT, Michel. Herculine Barbin: o diário de um hermafrodita. RJ: F. Alves, 1982.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade I: a vontade do saber. Rio de Janeiro: Graal, 1980.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: história da violência nas prisões. Petrópolis, RJ: Vozes, 1977.

FREUD, Sigmund. Cinco lições de psicanálise (1910 [1909]); A história do movimento psicanalítico; O futuro de uma ilusão; O mal-estar na civilização; Esboço de psicanálise. Seleção de textos de Jayme Salomão; trad. de Durval Marcondes et al. SP: Abril Cultural, 1978. (Col. Os pensadores).

GAGNEBIN, Jeanne Marie. O rastro e a cicatriz: metáforas da memória. In: Pro-posições, Campinas, SP, v. 13, nº3 (39), p. 125-134, set./dez. 2002. Campinas, SP.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. A produção de saberes históricos: saberes locais & saberes globais. Revista do Instituto Brasileiro de Edições Pedagógicas: Área do conhecimento – História Ano I, nª 3, p. 53-57, julho de 2001.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. A tessitura do conhecimento histórico e sua relações com a narrativa literária. In: Anais do IV Encontro Nacional de Pesquisadores do Ensino de História. Ijuí, RS: UNIJUÍ, 1999, p. 649-660.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. Belas mentiras? A ideologia nos estudos sobre o livro didático. In: PINSKY, Jaime (org.), O ensino de História e a criação do fato. 3ª ed. SP: Contexto, 1991. (Coleção Repensando o Ensino).

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. História local e ensino de história. In: Anais do 2o Encontro Perspectivas do Ensino de História. SP: USP, 1998, p. 317-322.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. Imagens entrecruzadas de infância e de produção do conhecimento em Walter BENJAMIN. In: FARIA, Ana Lúcia Goulart de; DEMARTINI, Zeila de Brito Fabri; PRADO, Patrícia Dias (Orgs.). Por uma cultura de infância: metodologias de pesquisa com crianças. Campinas, SP: Autores Associados, 2002, p. 49-68.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. O almanach, a locomotiva da cidade moderna: Campinas, décadas de 1870 e 1880. 1998. Tese de doutorado em História, IFCH, UNICAMP, Campinas, SP.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. Percepções culturais do mundo da escola: em busca da rememoração. In: Anais do III Encontro Nacional de Pesquisadores do Ensino de História. Campinas, SP: Gráfica da FE,UNICAMP, 1999, p. 99-108.

GALZERANI, Maria Carolina Bovério. The almanach, the locomotive of modern reading. In: Abstracts of the XXII- ISCHE, International Standing Conference for the History of Education, Alcalá de Henares, Espanha, 2000, p. 81-82.

GAY, Peter. A experiência burguesa da rainha Vitória a Freud: a educação dos sentidos. SP: Companhia das Letras, 1988.

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas, sinais: morfologia e história. SP: Companhia das Letras, 1989.

GINZBURG, Jaime. Tempo de destruição em Caio Fernando de Abreu. In: SELIGMANNSILVA, Márcio (Org.). Palavra e imagem: memória e escritura. Chapecó, SC: Argos, 2006.

GOFFMAN, Erving. Estigma: notas sobre a manipulação da identidade deteriorada. RJ: LTC, 1988. GOMBRICH, E. H. A história da arte. SP: Phaidon, 2000.

GONÇALVES, Luiz Alberto Oliveira. Negros e educação no Brasil. In: LOPES, Eliane M. T.; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000.

GONDRA, José G. Medicina, higiene e educação escolar. In: LOPES, Eliane M. T.; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000.

GONDRA, José G. Modificar com brandura e prevenir com cautela, racionalidade médica e higienização da infância. In: FREITAS, Marcos C. de, KUHLMANN JR., M. (Org.). Os intelectuais na história da infância. SP: Cortez, 2002.

GRANGEIRO, Cândido Domingues. As artes de um negócio: a febre photographica: São Paulo 1862-1886. Campinas, SP: Mercado das Letras; FAPESP, 2000.

HARDMAN, Francisco Foot. Canudos e outros mundos extintos: as poéticas de Euclides e de Pompéia. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio (Org.). Palavra e imagem: memória e escritura. Chapecó, SC: Argos, 2006.

HOBSBAWM, Eric J. A era dos impérios. RJ: Paz e Terra, 1988. KOSSOY, Boris. Realidade e ficções na trama fotográfica. Cotia, SP: Ateliê, 1999.

KEHL, Maria Rita. O eu é o corpo. In: COCCHIARALE, Fernado, MATESCO, Viviane, JEUDY, et all. Corpo. SP: Itaú Cultural, 2005. Textos relacionados à exposição O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira, ao seminário Corpo Representado e ao evento multidisciplinar, realizados pelo Itaú Cultural de 30/03 a 29/05 de 2005.

KREUTZ, Lúcio. A educação de imigrantes no Brasil. In: LOPES, Eliane M. T.; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000.

LE GOFF, Jacques. História e memória. Campinas, SP: UNICAMP, 1990.

LEITE, Beatriz Westin de Cerqueira. Região Bragantina: estudo Econômico Social (1653-1836). 1974. Marília, SP: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras.

LEMOS, Carlos A. C. Ambientação ilusória. In: MOURA, Carlos E. M. de (Org.). Retratos quase inocentes. SP: Nobel, 1983.

LENHARO, Alcir. Sacralização da política. Campinas, SP: Papirus, 1986.

LIMA, Roberto P. Teixeira. Amparo: cartões postais. Amparo, SP: Modelo, 2005.

LOPES, Myrian Bahia. O Rio em movimento: quadros médicos e(m) História 1890-1920. RJ: FIOCRUZ, 2001.

MACHADO, Arlindo. A ilusão especular. SP: Brasiliense, 1984.

MACPHERSON, C. B. Teoria política do individualismo possessivo de Hobbes até Locke. RJ: Paz e Terra, 1979.

MARGOTTO, Lilian Rose, SOUZA, Maria Cecilia C. C. de. A psicologia entre notas, cópias e citações: periódicos educacionais paulistas (1902/1930). In: CARVALHO, Marta M. Chagas de; VIDAL, Diana G. Biblioteca e formação docente: percursos de leitura (1902-1935). BH: Autêntica; Centro de Memória da Educação FEUSP; FINEP; 2000.

MARQUES, Vera Regina Beltrão. A medicalização da raça: médicos, educadores e discurso eugênico. Campinas, SP: UNICAMP, 1994. MORAIS, Fernando. Chatô, o rei do Brasil. SP: Companhia das Letras, 1994.

MARTINS, Ana Luiza. Revistas em revista: imprensa e práticas socioculturais em tempos de república, São Paulo (1890-1922). São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo; FAPESP; Imprensa Oficial do Estado, 2001.

MARTINS, Nelson; LAURITO, Domingos. Bragança 1763-1942. Coleção S. Paulo através da História, vol. III, em 1943.

MATHIAS, Luiz Gonzaga Pires. Bragança 2000 – um caminho. Bragança Paulista, SP: Universidade São Francisco, 1993.

MENESES, Ulpiano T.. A História cativa da Memória? Para um mapeamento da memória no campo das Ciências Sociais. Rev. Inst. Est. Bras., São Paulo, 1992, v. 34, p. 9-24.

MOURA, Carlos E. M. Retratos quase inocentes. In: MOURA, Carlos E. M. de (Org.). SP: Nobel, 1983.

NASCIMENTO, Jorge Carvalho do. Nota prévia sobre a palavra impressa no Brasil do século XIX: a biblioteca do povo e das escolas. Horizontes, Bragança Paulista, SP: EDUSF, v. 19, p. 11-27, jan./dez.2001.

NAXARA, Márcia. Natureza e civilização: sensibilidades românticas em representações do Brasil no século XIX. In: BRESCCIANI, Maria Stella; NAXARA, Márcia (Org.). Memória e (res)sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas, SP: UNICAMP, 2001.

NORA, Pierre. Entre memória e história: a problemática dos lugares. Projeto História, SP: PUC, nº10, p. 07-28, dez.1993.

OLSON, David R. História ilustrada da medicina. Trad. e posfácio: CRUZ, Geraldo Magela Gomes; MIRANDA, Sinara Mônica Leite. RJ: REVINTER, 2001.

OLSON, David R. O mundo no papel: as implicações conceituais e cognitivas da leitura e da escrita. SP: Ática, 1997. PORTER, Roy. História do corpo. In: BURKE, Peter Burke (Org.). A escrita da História: novas perspectivas. SP: UNESP, 1992.

PADILHA, Márcia. A cidade como espetáculo: publicidade e vida urbana na São Paulo nos anos 20. SP: Annablume, 2001.

PAULA, Jeziel de. 1932: imagens construindo a história. Campinas, SP: UNICAMP; UNIMEP, 1998.

RAGO, Luzia Margareth. Do cabaré ao lar: a utopia da cidade disciplinar: Brasil 1890-1930. RJ: Paz e Terra, 1985.

ROCHA, Heloísa Helena Pimenta. Do exame da criança à produção do aluno: notas sobre o estudo científico da infância. Revista Pedagógica – UNOCHAPECÓ, Chapecó, SC: Argos, ano 6, nº 13, jul./dez. 2004, p. 201-218.

ROCHA, Heloisa Helena Pimenta. Imagens do Analfabetismo: a Educação na Perspectiva do Olhar Médico no Brasil dos anos 20. 1995. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Educação da UNICAMP, SP.

ROCHA, Heloísa Helena Pimenta. Prescrevendo regras de bem viver: Cultura escolar e racionalidade científica. Caderno CEDES, Campinas, SP, ano XIX, nº 52, nov. 2000.

ROSENFIELD, Kathrin H. Bloch, Musil, Benjamin: três abordagens da imagem e da história. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio (Org.). Palavra e imagem: memória e escritura. Chapecó, SC: Argos, 2006.

SALA, Fernando Afonso. O encarceramento em São Paulo: das enxovias à Penintenciária do Estado. 1997. Tese de doutorado em Sociologia

SAMAIN, Etienne G. Entre a Arte, a Ciência e o Delírio: a fotografia médica francesa na segunda metade do século XIX. In: Boletim Especial do Centro de Memória da UNICAMP, Campinas, v. 5, n.10, p. 11-32, 1993.

SANT´ANNA, Denise Bernuzzi de. É possível realizar uma história do corpo? In: SOARES, Carmem Lúcia (Org.). Corpo e história. Campinas, SP: Autores Associados, 2001.

SANT´ANNA, Denise Bernuzzi de. O corpo na cidade das águas: São Paulo (1840-1910). In: Projeto História: revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História e Depto. de História da PUC de São Paulo, v. 25, dez. 2002.

SANTOS, Ediógenes Aragão. Discriminação e preconceito: a marginalização do trabalhador nacional na primeira industrialização em São Paulo (1880-1920). Campinas: texto impresso, 19.

SANTOS, Ediógenes Aragão; MONTEIRO, Regina Maria. A construção política de uma identidade nacional através do ensino. Pro-posições, Campinas, SP: v.13, nº2 (38), p. 21-33, maio/ago 2002.

SANTOS, Milton. O tempo nas cidades. Revista da Sociedade Brasileira para o Progresso da ciência. SP: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, ano 54, nº 2, out./nov./dez 2002, p. 21-23.

SCHAPOCHNIK, Nelson. Cartões-postais, álbuns de família e ícones da intimidade. In: NOVAIS, Fernando A. (Coord. da coleção).

SENNETT, Richard. Carne e Pedra. RJ: Record, 2000.

SENNETT, Richard. O Declínio do homem público: as tiranias da intimidade. SP: Companhia das Letras, 1988.

SEVCENKO, Nicolau (Org do volume). História da vida privada no Brasil. SP: Companhia das Letras, 1998, v. 3.

SEVCENKO, Nicolau. Introdução. O prelúdio republicano, astúcias da ordem e ilusões do progresso. In: NOVAIS, Fernando A. (Coord. da coleção). SEVCENKO, Nicolau (Org do volume). História da vida privada no Brasil. SP: Companhia das Letras, 1998, v. 3.

SEVCENKO, Nicolau. Orfeu extático na metrópole – São Paulo, sociedade e cultura nos freementes anos 20. SP: Companhia das Letras, 1992.

SLENES, Robert W. Escravos, cartórios e desburocratização: o que Rui Barbosa não queimou será destruído agora? Rev. Bras. de Hist., v.5, n 10, p. 166-196. SP: ANPUH; Marco Zero, 1985.

SOLHA, Hélio Lemos. A construção dos olhares: imagem e antropologia visual. 1998. Dissertação de mestrado, Multimeios-IA-UNICAMP, Campinas/SP.

SOUZA, Gilda de Mello e. O espírito das roupas: a moda no século dezenove. SP: Companhia das Letras, 1987.

SOUZA, Maria Cecília Cortez Christiano de. Crise familiar e contexto social. Bragança Paulista, SP: Universidade São Francisco, 1999.

SOUZA, Rosa F. de. O espaço da educação e da civilização: origens dos grupos escolares no Brasil. In: SOUZA, Rosa F de; VALDEMARIN, Vera; ALMEIDA, Jane S. O legado educacional do século XIX. Araraquara, SP: UNESP, 1998.

STAROBINSKI, Jean. 1789: os emblemas da razão. SP: Companhia das Letras, 1988. TACCA, Fernando de. Sapateiro: o retrato de casa. Boletim Especial do Centro de Memória da UNICAMP, v. 5, n.10, p. 67-88, Campinas: CMU, 1993.

STAROBINSKI, Jean. A imagética da Comissão Rondon: etnografia fílmicas estratégicas. Campinas, SP: Papirus, 2001.

THOMPSON, E. P. Costumes em comum estudos sobre a cultura popular tradicional. SP: Companhia das Letras, 1998.

THOMPSON, E. P. Miséria da teoria. SP: Zahar, 1981.

TRONCA, Ítalo A. As máscaras do medo: lepra e aids. Campinas, SP: Editora da UNICAMP, 2000.

VASQUEZ, Pedro. A fotografia no Império. RJ: Jorge Zahar, 2002. VEYNE, Paul. Foucault revoluciona a história. In: Como se escreve a história. Trad. Alda Baltar e Maria Auxiliadra Kneipp. Brasília: UNB, 1998.

VEIGA, Cynthia G. Educação estética para o povo. In: LOPES, Eliane M. T., FARIA FILHO, Luciano M., VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000.

VIDAL, Diana Gonçalves. A fotografia como fonte para a historiografia educacional sobre o século XIX uma primeira aproximação. In: FARIA FILHO, Luciano M. de. Educação, modernidade e civilização. BH: Autêntica, 1998.

VIDAL, Diana Gonçalves. Escola nova e processo educativo. In: LOPES, Eliane M. T.; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (Org.). 500 anos de educação no Brasil. BH: Autêntica, 2000. 2 ª ed.

VIDAL, Diana Gonçalves. O exercício disciplinado do olhar: livros, leituras e práticas de formação docente do Instituto de Educação do Distrito Federal (1932-1937). Bragança Paulista, SP: Universidade São Francisco, 2001. (Coleção Estudos CDAPH. Série Historiografia).

VIGARELLO, Georges. O limpo e o sujo: uma história de higiene corporal. SP: Martins Fontes, 1996.

VIGARELLO, Georges. O trabalho dos corpos e do espaço. Projeto História: Rev. do Programa de Estudos Pós-Graduados em Hist. e do Depto. de Hist. PUC-SP, nº13, jun. 96, p. 7-20.

WOOLF, Virginia. Orlando. RJ: Nova Fronteira, 1978.

ZENHA, Celeste. As práticas da Justiça no cotidiano da pobreza. Rev. Bras. de Hist., v.5, nº 10, p. 123-146, mar./ag. 1985. SP: ANPUH/ Marco Zero. IMPRESSOS BRAGANTINOS

Publicado
2008-12-03
Como Citar
Bueno, M. de F. G. (2008). O corpo e as sensibilidades modernas: Bragança (1900-1920). ETD - Educação Temática Digital, 8(2), 309-309. https://doi.org/10.20396/etd.v8i2.666
Seção
Dissertações e Teses em Resumos