Banner Portal
Perspectivas do gênero documentário pela apropriação de elementos de linguagem da TV Digital Interativa
PDF

Palavras-chave

Documentário. TV digital interativa. Apropriação de elementos de linguagem.

Como Citar

SACRINI, Marcelo. Perspectivas do gênero documentário pela apropriação de elementos de linguagem da TV Digital Interativa. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 5, n. 2, p. 7–22, 2008. DOI: 10.20396/etd.v5i2.758. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/758. Acesso em: 14 abr. 2024.

Resumo

O artigo apresenta uma reflexão sobre a TV Digital Interativa como novo espaço de apropriação dos elementos de linguagem pelo gênero documentário, além de elaborar algumas projeções quanto às possibilidades de aplicação do produto nesse meio. O Documentário Interativo Digital difere tanto do convencional, fílmico, quanto daquele produzido para a Web, mesmo que reproduza e agregue alguns elementos de linguagem experimentados em ambos. A nova modalidade herdará do cinema a leitura linear embora possibilite, também, interrupções para o acesso a informações outras, multimídias, com características de uma linguagem hipertextual e interativa, agregando as possibilidades da não-linearidade e muti-linearidade. Além disso, os dados de retorno poderão ser direcionados ao provedor do conteúdo, conferindo ao documentário uma possibilidade didático-pedagógica como nunca antes experimentada pelo gênero. 

https://doi.org/10.20396/etd.v5i2.758
PDF

Referências

AMARAL, Sérgio Ferreira do, PACATA, Daniel Moutinho. A TV Digital Interativa no espaço educacional. Jornal da Unicamp, Campinas, n. (edição) 229, 15 a 21 set. 2003. Disponível em: http://www.unicamp.br/unicamp/unicamp_hoje/jul/setembro2003/ju229pg2b.html. Acesso em: 11 mar. 2004.

BECKER, Valdecir; MONTEZ, Carlos. TV digital interativa: conceitos, desafios e perspectivas para o Brasil. Florianópolis: 12TV, 2004.

BRASIL. Ministério das Comunicações. Atos do poder executivo. Telecomunicações: TV Digital. Decreto no 4901, 26 nov. 2003. Edição Número 231, 27 nov. 2003.

GOSCIOLA, Vicente. Roteiro para as novas mídias: do game à tv interativa. São Paulo: Editora Senac, 2003.

GREGOLIN, Maira, SACRINI, Marcelo, TOMBA, Rodrigo Augusto. Web-documentário: uma ferramenta pedagógica para o mundo contemporâneo. Campinas, 2002, 120f. (Trabalho de Conclusão de Curso) - Faculdade de Jornalismo, Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2002.

GRIERSON, John. First principles of documentary. London: Faber & Faber, 1979.

LIESTOL, Gunnar. Wittgenstein, Genette y la narrativa del lector em hipertexto. In: LANDOW, George P. (Org.). Teoria del hipertexto. Barcelona: Paidós, 1997.

PENÁFRIA, Manuela. (1999) Perspectivas de desenvolvimento para o documentarismo. Disponível em: http://www.bocc.ubi.pt/pag/_texto.php3?html2=penafriaperspectivasdocumentarismo.html. Acesso em: 15 ago. 2002.

UOL Dicionário Michaelis. São Paulo: FSP, 2002. (Publicado em CD ROM)

WINSTON, Brian. Claming the real: the documentary film revisited. London: BFI - British Film Institute Publishing, 1995.

A ETD - Educação Temática Digital utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.