Notas sobre o professor interdisciplinar

Autores

  • Joe Garcia Universidade Tuiuti do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v5i2.760

Palavras-chave:

Interdisciplinaridade. Professor interdisciplinar. Formação para a interdisciplinaridade.

Resumo

Este artigo apresenta um estudo sobre o professor interdisciplinar, pensando sua formação a partir de duas perspectivas conceituais complementares sobre o perfil desse professor. Inicialmente são exploradas as contribuições de dois teóricos brasileiros da interdisciplinaridade, onde se resgata de suas obras particularmente as implicações de considerar a interdisciplinaridade enquanto atitude em relação ao conhecimento. A seguir consideramos a perspectiva de um grupo de professores de Educação Básica, também sobre o perfil suposto de um professor interdisciplinar. Ao final, após contrastar e integrar as características associadas ao professor interdisciplinar originadas das fontes indicadas acima, analisamos alguns aspectos da formação dos professores para a interdisciplinaridade. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joe Garcia, Universidade Tuiuti do Paraná

Doutor em Educação pela PUC-SP Professor Adjunto do Programa de Mestrado em Educação da Universidade Tuiuti do Paraná

Referências

CHANTRAINE-DEMAILLY, Lise. Modelos de formação contínua e estratégias de mudança. In: NÓVOA, António (Coord.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1995. p. 139-158.

COMMBS, Jerrold; DANIELS, Le Roi. Philosophical inquiry: conceptual analysis. In: SHORT, Edmund (Ed.). Forms of curriculum inquiry. Albany; SUNY Press, 1991. p. 27-41.

FAZENDA, Ivani. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. Campinas: Papirus, 1994.

FAZENDA, Ivani. Interdisciplinaridade: um projeto em parceria. São Paulo: Loyola, 1991.

FAZENDA, Ivani. Integração e interdisciplinaridade no ensino brasileiro: efetividade ou ideologia? São Paulo: Loyola, 1979.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

JAPIASSU, Hilton. A atitude interdisciplinar no sistema de ensino. Revista Tempo Brasileiro, Rio de Janeiro, n. 108, p. 83-94, jan. /mar. 1992.

JAPIASSU, Hilton. Interdisciplinaridade e patologia do saber. Rio de Janeiro: Imago, 1976.

KLEIN, Julie. Ensino interdisciplinar: didática e teoria. In: FAZENDA, Ivani (Org.). Didática e interdisciplinaridade. Campinas: Papirus, 1998. p. 109-132.

LENOIR, Yves. Didática e interdisciplinaridade: uma complementaridade necessária e incontornável. In: FAZENDA, Ivani (Org.). Didática e interdisciplinaridade. Campinas: Papirus, 1998. p. 45-76.

LENOIR, Yves. A importância da interdisciplinaridade na formação de professores do ensino fundamental. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 102, p. 5-22, novembro 1997.

SCRIVEN, Michael. Philosophical inquiry methods in education. In: JAEGER, Richard (Ed.). Complementary methods for research in education. Washington (D.C.): American Educational Research Association, 1988. p. 131-148.

Downloads

Publicado

2008-11-13

Como Citar

GARCIA, J. Notas sobre o professor interdisciplinar. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 5, n. 2, p. 42-57, 2008. DOI: 10.20396/etd.v5i2.760. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/760. Acesso em: 30 out. 2020.