Banner Portal
A perspectiva epistemológica em Antonio Gramsci e a pesquisa de políticas educacionais
PDF

Palavras-chave

Epistemologia educacional. Políticas públicas. Pesquisa de políticas educacionais. Educação e teoria gramsciana.

Como Citar

ALMEIDA, M. de L. P. de; SILVA, S. R. da. A perspectiva epistemológica em Antonio Gramsci e a pesquisa de políticas educacionais. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 17, n. 1, p. 27–41, 2015. DOI: 10.20396/etd.v17i1.8634816. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8634816. Acesso em: 22 fev. 2024.

Resumo

O presente texto busca apresentar a investigação das políticas nos marcos da obra de Gramsci, para se debater certos desafios que “pesquisa educacional” deve enfrentar. Pressupõe-se que a pesquisa em educação é também uma forma de relação pedagógica/hegemônica não podendo ser neutra em relação a cultura, mas, sobretudo, como produtora de cultura e visão de mundo mais elaboradas. Estudar questões ligadas à epistemologia de Gramsci exige a explicitação do que o autor compreendia por intelectual orgânico e práxis investigativa. O pensamento de Antonio Gramsci retoma o princípio marxista da totalidade para se compreender a atividade intelectual. Perante sua concepção de práxis a categoria de intelectual ganhou outro significado. Sua definição de intelectual orgânico tornou-se fundamental para se investigar a pesquisa das políticas educacionais e não apenas as políticas educacionais propriamente ditas. Nesse sentido, se a política educacional for tomada como uma ciência particular, ela merece a mesma crítica que Gramsci faz à sociologia e à economia, isto é, produz verdades parciais que devem ser reapropriadas no âmbito da totalidade da investigação operada pela filosofia da práxis. 

https://doi.org/10.20396/etd.v17i1.8634816
PDF

Referências

COUTINHO, Carlos. Marxismo e política: a dualidade dos poderes e outros ensaios. São Paulo, SP: Cortez, 2008.

DIAS, Edmundo. Política brasileira em debate: embates de projetos hegemônicos. São Paulo, SP: Instituto José Luís; Rosa Sundermann, 2006.

GRAMSCI, Antonio. Concepção dialética da história. Rio de Janeiro, RJ: Civilização Brasileira, 1995b.

GRAMSCI, Antonio. Os intelectuais e a organização da cultura. 9. ed. Rio de Janeiro, RJ: Civilização Brasileira. 1995 a.

GRAMSCI, Antonio. Maquiavel, a política e o estado moderno. 8. ed. Rio de Janeiro, RJ: Civilização Brasileira, 1991.

GRAMSCI, Antonio. Quaderni del cárcere. Torino: Enaldi Editore, 1975. v.1-2.

PORTELLI, Henrique. Gramsci e o bloco histórico. São Paulo, SP: Paz e Terra, 1991.

TELLO, Cesar; ALMEIDA, Maria de Lourdes Pinto de. Estudos epistemológicos no campo da pesquisa em política educacional. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2013.

TELLO, Cesar. Epistemologias de la política educativa: posicionamientos, perspectivas y enfoques. Campinas, SP: Mercado de Letras. 2013.

A ETD - Educação Temática Digital utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.