Banner Portal
A estética negra de zózimo bulbul em cena: novas possibilidades para pensar cinema, currículo e formação de professores
PDF

Palavras-chave

Cinema negro. Formação de professores. Zózimo Bulbul.

Como Citar

ROSA, Fábio José Paz da; FRESQUET, Adriana Mabel. A estética negra de zózimo bulbul em cena: novas possibilidades para pensar cinema, currículo e formação de professores. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 19, n. 2, p. 418–436, 2017. DOI: 10.20396/etd.v19i2.8647577. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8647577. Acesso em: 13 jul. 2024.

Resumo

Esse ensaio se propõe a analisar a cinematografia negra de Zózimo Bulbul enquanto possibilidade de educação-étnico racial na Formação de Professores. Para isso, o presente trabalho em um primeiro momento, contextualiza brevemente a trajetória educacional e artística desse cineasta com o intuito de compreender seu pensamento que no futuro se evidenciaria por meio do cinema. Em um segundo momento, relacionamos as questões sobre cinema de Bulbul, currículo e negritudes em uma perspectiva multi/intercultural na formação de professores. Por último, inter-relacionamos tais temáticas ao propor uma análise fílmica do primeiro curta-metragem produzido por Zózimo, Alma no Olho, de 1974, em que conhecimentos e saberes são produzidos entre a realidade e a ficção, entre estranhamentos e emancipações dos sujeitos-espectadores.

https://doi.org/10.20396/etd.v19i2.8647577
PDF

Referências

BRASIL. Lei 13006, de 26 de Junho de 2014. Estabelece a exibição de filmes de produção nacional que constituirá componente curricular integrada à proposta curricular da escola sendo a sua exibição obrigatória por no mínimo duas horas mensais. Diário Oficial da União, Brasília, DF: Presidência da República, 26. Jun. 2014

BRASIL. Lei 10639, de 09 de Janeiro de 2003. Estabelece as diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana. Diário Oficial da União, Brasília, DF: Presidência da República, 09 Jan.2003

DE Jefferson e VIANNA, Biza. Zózimo Bulbul: uma alma carioca. Rio de Janeiro: Centro Afro Carioca de Cinema, 2014.

CANDAU, Vera. Diferenças culturais, interculturalidade e educação em Direitos Humanos. Educ. Soc., Campinas, v. 33, n. 118, p. 235-250, jan.-mar. 2012.

FRESQUET, Adriana. Cinema e Educação: Reflexões e experiências com professores e estudantes de educação básica, dentro e “fora” da escola. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2013.

GOMES, Nilma Lino. Relações étnico-raciais, educação e descolonização dos currículos. Currículo sem Fronteiras, v.12, n.1, p. 98-109, Jan./Abr.2012.

HALL, Stuart. Da diáspora: Identidades e Mediações Culturais. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2003.

MOREIRA, Antônio Flávio Barbosa. O estranho em nossas escolas: desafios para o que se ensina e o que se aprende. In: Cotidiano: diálogos sobre diálogos. Garcia, Regina Leite, Zaccur, Edwiges e Giambiagi, Irene (orgs.). Rio de Janeiro: DP&A editora, 2005.

RANCIÉRE, Jacques. A partilha do sensível: estética e política. São Paulo: Exo experimental Editora, 2005.

RANCIÉRE, Jacques. O espectador emancipado. Lisboa: Orfeu Negro, 2010

FILME

ALMA no olho. Direção: Zózimo Bulbul. Rio de Janeiro – RJ, 1973. 11 min

A ETD - Educação Temática Digital utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.