Banner Portal
El@s voltam no sábado: enredos do LASEB de educação e cinema
PDF

Palavras-chave

Educação e cinema. Formação docente.

Como Citar

TEIXEIRA, Inês Assunção de Castro; AZEVEDO, Ana Lúcia de Faria e. El@s voltam no sábado: enredos do LASEB de educação e cinema. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 19, n. 2, p. 400–417, 2017. DOI: 10.20396/etd.v19i2.8647873. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8647873. Acesso em: 21 jun. 2024.

Resumo

O artigo analisa questões e aspectos relativos ao primeiro Curso de Especialização em Educação e Cinema destinado a professores/as de escolas públicas de Educação Básica, realizado mediante convênio entre a Faculdade de Educação da UFMG e a Secretaria Municipal de Ensino de Belo Horizonte (RME/BH) e subsídios do MEC, sendo esta uma das áreas temáticas que constituiu o Curso de Especialização em Formação de Educadores/as para a Educação Básica (LASEB) em sua Sexta Edição. Trata-se de um projeto de formação continuada de educadores/as pioneiro no país, focalizando a temática da Educação e Cinema, realizado aos sábados no período de março de 2013 a junho de 2015, do qual participaram 40 educadores/as da Educação infantil, do Ensino Fundamental I e II, bem como diretores e bibliotecários de escolas da RME/BH. Quanto aos encaminhamentos metodológicos da pesquisa que deu origem ao artigo, constituiu-se de levantamento e análise de documentos, tendo como fonte o acervo do LASEB e da coordenação do Curso de Educação e Cinema. Entre outros pontos, destaca-se na proposta curricular desta Especialização, a atividade de planejamento e elaboração de monografias de final de curso, que constituíram um registro, uma sistematização e análise dos projetos realizados pelos/as educadores/as.O Curso, cujo objetivo central foi o de contribuir para a formação estética e a reinvenção das práticas pedagógicas dos/as educadores/as com cinema e audiovisual, sustentou-se no pressuposto de que estes devem ser trazidos à escola e a docência, para que a humanizem, enriqueçam e ampliem, a educação de crianças, jovens e adultos.
https://doi.org/10.20396/etd.v19i2.8647873
PDF

Referências

ARROYO, Miguel G. Ofício de mestre: imagens e autoimagens. 2.ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

AZEVEDO, Ana Lúcia Faria; GRAMMOND, Maria Jaqueline; TEIXEIRA, Inês A. Castro. “Me ajuda a olhar”: o cinema na formação de professores(as). Educação em Foco, Belo Horizonte, Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Minas Gerais, ano 17, n. 24, dez. 2014.

AZEVEDO, Ana Lúcia Faria; TEIXEIRA, Inês A. Castro. Os professores e o cinema na companhia de Bergala. Revista Contemporânea de Educação. Rio de Janeiro, Faculdade de Educação da UFRJ, v. 5, n. 10, 2010.

BARROS, Manoel. Memórias inventadas: a infância. São Paulo: Planeta, 2003.

BERGALA, Alain. A hipótese cinema: pequeno tratado de transmissão do cinema dentro e fora da escola. Rio de Janeiro: Bookling – CINEAD, LISE, FE/UFRJ, 2008.

BOAL, Augusto. A estética do oprimido. Rio de Janeiro: Garamond, 2008.

BOURDIEU, Pierre. A distinção: crítica social do julgamento. Trad. Daniela Kern e Guilherme F. Teixeira. São Paulo: Edusp; Porto Alegre, RS: Zouk, 2007.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17.ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1997 (Col. Leitura – Livro de Bolso).

FRESQUET, Adriana (Org.). Imagens do desaprender: uma experiência de aprender com o cinema. Rio de Janeiro: Booklink – CENEAD – LISE – FE/UFRJ: 2007. (Coleção Cinema e Educação).

GALEANO, Eduardo. Livro dos abraços. São Paulo: L&PM Pocket, 2005.

LARROSA, Jorge. Experiência e paixão. In: LARROSA, Jorge. A linguagem depois de Babel. Belo Horizonte: Autêntica, 2004.

MIGLIORIN, César. Educação e cinema sob o risco da democracia. Revista Contemporânea de Educação. Rio de Janeiro, Faculdade de Educação da UFRJ, v. 5, n. 10, 2010.

MORAES, Vinicius. Dia da criação. Disponível em:

https://www.letras.mus.br/vinicius-de-moraes/86516/

TEIXEIRA, Inês A. C. Deslocando a câmera, imaginando cenas, criando roteiros: o cinema na formação de professores. In: FREITAS, Maria Teresa (Org.). Escola, tecnologias digitais e cinema. Juiz de Fora: Ed. UFJF, 2011.

REFERÊNCIAS FILMOGRÁFICAS

MUYLAERT, Anna. Que horas ela volta? Brasil, 2015.

OLIVEIRA, André Novaes. Ela volta na quinta. Brasil, 2014.

FONTES DOCUMENTAIS

RELATÓRIO DE ENCERRAMENTO do Curso de Especialização em Formação de Educadores para Educação Básica. 6.ed. Belo Horizonte: FAE/UFMG, 2016.

A ETD - Educação Temática Digital utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.