Inclusão escolar

um olhar sobre as formas de conviver com o outro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v21i2.8651501

Palavras-chave:

Diferenças, Experiência, Normalização, Encontro com o outro.

Resumo

A questão das diferenças tem se apresentado como uma temática central nas discussões pedagógicas atuais. Esse debate se amplia nas escolas mediante a definição da Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (BRASIL, 2008).  O objetivo desse artigo é problematizar o enredamento que se dá entre o processo de inclusão escolar e a questão das diferenças nas práticas dos professores de uma escola pública de educação básica. Discute-se como a escola, embora sendo uma instituição normativa, pode desenvolver uma educação em que as diferenças possam existir e não sejam consideradas como um ‘problema’ de ordem pedagógica e social, como frequentemente constatamos. A metodologia consiste em uma pesquisa qualitativa que desenvolve um estudo de caráter descritivo analítico sobre os processos de inclusão escolar, a partir de referenciais foucaultianos. Para o levantamento de dados, utiliza-se a pesquisa documental e a observação participante em momentos de planejamento e de formação pedagógica dos professores dessa escola. A análise dos dados foi realizada segundo a problematização de duas categorias: a inclusão que normaliza e conduz o outro ao mesmo; e a inclusão que promove um encontro com o outro. Os resultados apontaram que a inclusão escolar está proporcionando um encontro com o outro que efetiva, tanto processos de normalização que anulam as diferenças e conduzem à mesmidade, quanto processos que produzem experiências nos sujeitos, levando-os a reconhecer o outro como diferença que não depende do consentimento do eu para existir.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Neusete Machado Rigo, Universidade Federal de Santa Maria

Pedagoga. Doutora em Educação pela Universidade Federal de Santa Maria/RS -UFSM. Professora na Universidade Federal da Fronteira Sul/UFFS, Campus Cerro Largo, RS. 

 

 

Referências

BAPTISTA, Claudio Roberto; JESUS, Denise Meireles (Orgs.). Avanços em políticas de inclusão: o contexto da educação especial no Brasil e em outros países. 2.ed. Porto Alegre: Mediação, 2011.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Inclusão: Revista da Secretaria da Educação Especial, v. 4, n.1, p. 9-17, jan./jun., 2008.

BRASIL. Ministério de Educação. Conselho Nacional de Educação. Resolução 04 de 2 de outubro de 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/rceb004_09.pdf Acesso em: 10 ago. 2017.

CASTRO, Edgardo. Vocabulário de Foucault: um percurso pelos seus temas, conceitos e autores. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Felix. Mil Platôs: capitalismo e esquizofrenia. v. 4. São Paulo: Editora 34, 1974.

FOUCAULT, Michel. O poder e o sujeito. In: DREYFUS, Hubert; RABINOW, Paul. Michel Foucault: uma trajetória filosófica para além do estruturalismo e da hermenêutica. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1995.

FOUCAULT, Michel. Isto não é um cachimbo. Trad. Jorge Coli. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

FOUCAULT, Michel. Segurança, Território e População: Curso Collège de France. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

FOUCAULT, Michel. Os anormais: Curso no Collège de France (1974-1975). São Paulo: Martins Fontes, 2010a.

FOUCAULT, Michel. Ética, sexualidade e política. 2.ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2010b. p. 252-263.

FOUCAULT, Michel. A Arqueologia do saber. 8. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2013.

GALLO, Sílvio. Eu, o outro e tantos outros: educação, alteridade e filosofia da diferença. In: Anais ... UFF, Rio de Janeiro, 2008. Disponível em: http://gajop.org.br/justicacidada/wp-content/uploads/Eu-o-outro-e-tantos-outros-S%C3%ADlvio-Gallo.pdf Acesso em: 10 mai. 2017.

GALLO, Sílvio. Cuidado, alteridade e diferença: desafios éticos para a educação. In: PAGNI, Pedro P.; BUENO, Sinésio F.; GELAMO, Rodrigo P. (Org.). Biopolítica, arte de viver e educação. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2012.

GANGUILHEM, Georges. O normal e o patológico. 6.ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2009.

JESUS, Denise Meireles de; BAPTISTA, Claudio Roberto; BARRETO, Maria A. s. C.; VICTOR, Sonia L. Inclusão, práticas pedagógicas e trajetórias de pesquisa. 2.ed. Porto Alegre: Mediação, 2009.

LARROSA, Jorge; LARA, Nuria Pérez. Imagens do outro. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998.

LARROSA, Jorge. Experiência e alteridade em educação. Revista Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v.19, n. 2, p. 4-27, jul./dez. 2011. Disponível em: https://online.unisc.br/seer/index.php/reflex/article/view/2444/1898 Acesso em: 2 dez. 2017.

LARROSA, Jorge. Tremores: escritos sobre experiências. Belo Horizonte: Autêntica, 2017.

LOPES, Maura Corcini. Políticas de inclusão e governamentalidade. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 34, n. 2, p. 153-169, maio/ago., 2009. Disponível em: http://www.seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/article/view/8297 Acesso em: 15 dez. 2017.

LOPES, Maura Corcini; FABRIS, Eli Henn. Inclusão e educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

MILLER, Peter; ROSE, Nikolas. Governando o presente. São Paulo: Paulus, 2012.

RÍOS, Guillermo. A captura das diferenças nos espaços escolares: um olhar deleuziano. Educação e Realidade, Porto Alegre, n. 22, v. 2, p. 111-122, jul./dez. 2002. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/article/view/25921 Acesso em: 15 mar. 2017.

SCHÖPKE, Regina. Por uma filosofia da diferença: Gilles Delleuze, o pensador nômade. Rio de Janeiro: Contraponto; São Paulo: Edusp, 2004.

SILVA, Tomaz Tadeu (Org.). Identidade e diferença. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000.

SKLIAR, Carlos. A invenção e a exclusão da alteridade ‘deficiente’ a partir dos significados da normalidade. Educação e Realidade. Porto Alegre, n. 24, v.2, p.15-31, jul. /dez., 1999. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/issue/view/2564 Acesso em: 7 jan. 2017.

SKLIAR, Carlos. Pedagogia (improvável) da diferença: e se o outro não estivesse aí? Rio de Janeiro: DP&A, 2003a.

THOMA, Adriana da Silva; HILLESHEIM, Betina. Políticas de inclusão: gerenciando riscos e governando diferenças. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2011.

VEIGA-NETO, Alfredo. Coisas do governo... In: RAGO, Margareth; ORLANDI, Luiz B. L.; VEIGA-NETO, Alfredo (Org.). Imagens de Foucault e Deleuze: ressonâncias nietzschianas. Rio de Janeiro: DP&A, p.13-34, 2002a.

VEIGA-NETO, Alfredo. Olhares... In: COSTA, Marisa V. (Org.). Caminhos investigativos: novos olhares na pesquisa em educação. 2.ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2002b.

VEIGA-NETO, Alfredo; LOPES, Maura Corcini. Rebatimentos: a inclusão como dominação do outro pelo mesmo. In: MUCHAIL, Salma T.; FONSECA, Márcio A. da; VEIGA-NETO, Alfredo (Org.). O mesmo e o outro: 50 anos da História da Loucura. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

WITTGEINSTEIN, Ludwig. Investigações filosóficas. Trad. José C. Bruni. São Paulo: Nova Cultural. 1999.

Downloads

Publicado

2019-04-30

Como Citar

RIGO, N. M. Inclusão escolar: um olhar sobre as formas de conviver com o outro. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 21, n. 2, p. 495–512, 2019. DOI: 10.20396/etd.v21i2.8651501. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8651501. Acesso em: 7 dez. 2021.