Conversação sobre Fernand Deligny e o Aracniano

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v22i2.8654857

Palavras-chave:

Fernand Deligny. Diferença. Autismo. Educação.

Resumo

Conheci o Pesquisador e Professor Marlon Miguel, em Paris, durante o meu pós-doutoramento. Um brasileiro pesquisador do pensamento de Fernand Deligny (1913-1996). Falávamos da importância deste autor para os estudos em educação. E, também comentávamos que no Brasil, não tínhamos ou pouco temos acesso aos estudos dele. Pensamos esta entrevista como um disparador de algumas ideias do autor, ainda pouco estudado nas pesquisas no Brasil. Atualmente, o Professor Marlon, tem se dedicado com pesquisas entre a filosofia, a arte, a educação, a clínica e a antropologia na Université Paris 8 e no Institute for Cultural Inquiry (ICI), em Berlim.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sônia Regina da Luz Matos, Universidade de Caxias do Sul

Doutora em Educação pela Universidade Federal do  Rio Grande do Sul. Professora da Universidade de Caxias do Sul. Caxias do Sul, RS - Brasil. 

Marlon Miguel, Institute for Cultural Inquiry in Berlin

Doutor em Artes plásticas e Filosofia pela Université Paris 8: Vincennes-Saint-Denis. Doutor pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ - Brasil. 

Referências

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Felix. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia. Vol. 2. Tradução de Ana Lúcia de Oliveira e Lúcia Cláudia Leão. São Paulo: Ed. 34, 1995.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Felix. A thousand plateaus. Translation and foreword by Brian Massumi. Minneapolis/London: Univ. of Minnesota, 1987.

DELIGNY, Fernand. Cahiers de l’immuable. 1. Voix et voir. Revue Recherche. Directeur de publication: Félix Guattari. Paris, n. 18, 1975.

DELIGNY, Fernand. Essi & copeaux. Derniers écrits et aphorismes. Marseille: Le mot et le reste, 2005. 352 p.

DELIGNY, Fernand. Fernand Deligny Œuvres. Édition établie et présentée par Sandra Alvarez de Toledo. Paris: Les Éditions L’Arachnéen, 2007/2017.

DELIGNY, Fernand. O aracniano e outros textos. Translation by Lara de Malimpesa. São Paulo: n-1 edições, 2015.

DELIGNY, Fernand. The arachnean and other texts. Translation by Drew S. Burk and Catherine Porter. Univocal, 2015.

DELIGNY, Fernand. Os vagabundos eficazes. Translation and foreword by Marlon Miguel. São Paulo: n.1, 2018.

DELIGNY, Fernand. O homem sem convicções. Translation by Marlon Miguel. Revista Ao Largo, number 5, 2017-2. Available here: https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/32086/32086.PDFXXvmi=GTCwRU6ad5fiJBspU3Zvbbh3Ca3k00nHU0fNVmxaresbQWBL0AicMBgpMjKMj9tfaJ3772hzgLK7ImTJxdWLOdbBwWoR6T8gEbnLdGkur6DatxUrLRdB5pdDmCvswEKbQ9x5PiAhpdsTLomxgA9m1m1n0wQwcCI3LH8B0ITqWnkJMIi4jrrkPsIP1Amdc6gxOpAO9ug7TCRGkaLECdZsHIiIiGWvNeuCE6rNBJVulNcGxZlBck4U4nDm5BTSPovu

GUATTARI, Félix. Lignes de fuite. Pour un autre monde de possible. La Tour d'Aigues: Éditions de l’Aube, 2011.

MATOS, Sônia Regina da Luz. Deligny. O aracniano e outros textos. Revista Entreideias: Educação, Cultura e Sociedade. Salvador, v. 5, n. 2, 2016. Disponível em: https://portalseer.ufba.br/index.php/entreideias/article/view/17983/14290. Acesso em: 24 abril 2018.

MIGUEL, Marlon. À la marge et hors-champ: l’humain dans la pensée de Fernand Deligny. 2016. PhD Dissertation (Fines Arts and Philosophy). Université Paris 8 Vincennes-Saint-Denis and Universidade Federal do Rio de Janeiro, Paris and Rio de Janeiro, 2016. http://www.theses.fr/2016PA080020

MIGUEL, Marlon & Rocha, Maurício. Encontro Internacional Fernand Deligny, PUC-Rio, 2018. Website: https://deligny.jur.puc-rio.br/

Publicado

2020-04-15

Como Citar

MATOS, S. R. da L.; MIGUEL, M. Conversação sobre Fernand Deligny e o Aracniano. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 22, n. 2, p. 498–516, 2020. DOI: 10.20396/etd.v22i2.8654857. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8654857. Acesso em: 4 dez. 2021.