Banner Portal
A construção da noção social de greve
PDF

Palavras-chave

Greve
Conhecimento social
Teoria piagetiana

Como Citar

SARAVALI, Eliane Giachetto; MANO, Amanda de Mattos Pereira; ORIANI, Angélica Pall; GUIMARÃES, Taislene; ROTOLI, Liliane Ubeda Morandi. A construção da noção social de greve: um estudo evolutivo piagetiano . ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 22, n. 4, p. 948–968, 2020. DOI: 10.20396/etd.v22i4.8655348. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8655348. Acesso em: 20 maio. 2024.

Resumo

A partir dos estudos piagetianos sobre a construção do conhecimento social, o artigo apresenta os dados de uma pesquisa de caráter qualitativo e quantitativo, cujo objetivo consistiu em investigar a compreensão da noção de greve em estudantes da rede pública e particular, de idades entre 6 e 21 anos. A pesquisa com delineamento evolutivo transversal contou com 80 participantes, distribuídos da seguinte forma: 20 sujeitos de 06 anos, 20 de 11 anos, 20 de 16 anos e 20 de 21 anos. Ainda, para cada grupo etário, houve divisão quanto à origem da instituição escolar, assim, 10 participantes eram de instituições públicas e 10 de instituições privadas. O instrumento utilizado foi uma entrevista clínico-crítica que versava sobre a noção de greve. As entrevistas foram analisadas em consonância com os níveis de compreensão da realidade social, mediante a construção de subníveis, acrescida de estatística analítica de correlação entre variáveis. De modo geral, verificou-se que as ideias dos estudantes se concentraram no subnível IIa, revelando um entendimento da noção de greve pouco elaborado, pautado em juízos mais pessoais e aspectos aparentes. A análise estatística comprovou não haver diferença nas respostas conforme as escolas em que os participantes estavam matriculados. Discute-se aspectos relevantes sobre a construção do conhecimento social.

https://doi.org/10.20396/etd.v22i4.8655348
PDF

Referências

ALMEIDA, Elisângela Áreas; Eliane Giachetto Saravali. As noções étnico-raciais e o currículo escolar de língua portuguesa: uma proposta de intervenção pedagógica. Rev. Teoria e Prática da Educação, v.20, n.1, p. 133-150, 2017. Disponível em: periodicos.uem.br/ojs/index.php/TeorPratEduc/article/download/37301/pdf. Acesso em: 04 abr. 2019.

AMAR, José. et al. Pensamiento económico em jóvenes universitarios. Revista Latinoamericana de Psicología, Colômbia, v.39, n.2, p. 363-373, 2007. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/rlp/v39n2/v39n2a11.pdf. Acesso em: 14 mar. 2019.

BARROSO, Larissa. As ideias das crianças e adolescentes sobre seus direitos: um estudo evolutivo à luz da teoria piagetiana. 2000. 327f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2000.

BRASIL. Decreto nº 21.396, de 12 de maio de 1932. Institui Comissões Mistas de Conciliação e dá outras providências. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1930-1939/decreto-21396-12-maio-1932-526753-publicacaooriginal-1-pe.html. Acesso em: 2 fev. 2018.

BRASIL. Constituição dos Estados Unidos do Brasil, de 10 de novembro de 1937. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao37.html. Acesso em: 4 mar. 2019.

BRASIL. Decreto-Lei nº 9.070, de 15 de março de 1946. Dispõe sobre a suspensão ou abandono coletivo do trabalho e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/CCIVil_03/Decreto-Lei/Del9070.htm. Acesso em: 2 fev. 2018.

BRASIL. Lei nº 4.330, de 1º de junho de 1964. Regula o direito de greve, na forma do art. 158. Disponível em: www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/1950-1969/L4330.htm. Acesso em: 4 mar. 2019.

BRASIL. Decreto-Lei nº 1.632, de 4 de agosto de 1978. Dispõe sobre a proibição de greve nos serviços públicos e em atividades essenciais de interesse da segurança nacional. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/Del1632.htm. Acesso em: 2 fev. 2018.

BRASIL. Lei nº 7.783, de 28 de junho de 1989. Dispõe sobre o exercício do direito de greve, define as atividades essenciais, regula o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade, e dá outras providências. Disponível: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L7783.htm. Acesso em: 2 fev. 2018.

CANTELLI, Valeria. Um estudo psicogenético sobre as representações de escola em crianças e adolescentes. 2000. 227 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2000.

CASSAR, Vólia Bomfim. Resumo do direito do trabalho. 6.ed. São Paulo: Método, 2018.

COOPER, Sandra Iarê; STOLTZ, Tania. Conhecimento social: o caso do pagamento mínimo da fatura do cartão de crédito. Ensino em Re-vista, Uberlândia, v.25, n.1, p. 82-106, 2018. Disponível em: http://www.seer.ufu.br/index.php/em revista/issue/view/1546. Acesso em: 14 mar. 2019.

DELVAL, Juan. La construcción del conocimiento sobre la sociedade. Ensino Em Re-Vista Uberlândia, MG, v.25, n.1, p. 11-32, p. 82-106, 2018.Disponível em: http://www.seer.ufu.br/index.php/em revista/issue/view/1546. Acesso em: 14 mar. 2019.

DELVAL, Juan. Aspectos de la construcción del conocimiento sobre la sociedad. Educar em revista. Curitiba: Editora da UFPR, n. 30, p.45-64, 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/er/n30/a04n30 . Acesso em: 14 mar. 2019.

DELVAL, Juan. Introdução à prática do método clínico: descobrindo o pensamento das crianças. Tradução Fátima Murad. Porto Alegre: Artmed, 2002.

DENEGRI, Marianela. A construção do conhecimento social na infância e a representação da pobreza e desigualdade social: desafios para a ação educativa. In: ASSIS, Mucio e FAGUNDES, Antonio Jayro Fonseca da Motta. Descrição, definição e registro de comportamento. São Paulo: Edicon, 1981.

GOUVEIA; Andréa Barbosa; FERRAZ, Marcos Alexandre dos Santos. Sindicalismo docente e política educacional: tensões e composições de interesses corporativos e qualidade da educação. Educar em Revista, Curitiba, Brasil, n.48, p.111-129, abr./jun. 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/er/n48/n48a08.pdf. Acesso em: 29 jun. 2018.

GREVE DOS MESTRES QUASE TOTAL EM SP. Correio da manhã. Rio de Janeiro. Sexta-feira, 18 de outubro de 1963. n. 21.639, ano LXIII. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/Hotpage/HotpageBN.aspx?bib=089842_07&pagfis=44933&url=http://memoria.bn.br/docreader#. Acesso em: 21 jun. 2018.

MANO, Amanda de Mattos Pereira; SARAVALI, Eliane Giachetto. As relações entre a construção da abstração reflexionante e o conhecimento social: um estudo psicogenético. Revista de Educação Pública, Cuiabá, v.23, p.759-779, 2014. Disponível em: http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/educacaopublica/article/view/1327 . Acesso em: 14 mar. 2019.

MANTOVANI DE ASSIS, Orly. ENCONTRO NACIONAL DE PROFESSORES DO PROEPRE - A criança e a escola, 15., 1998. Anais... Campinas: UNICAMP/FE/LPG, p. 43-54, 1998.

MONTEIRO, Tamires; SARAVALI, Eliane Giachetto. Psicogênese da noção de violência: um estudo evolutivo a partir da perspectiva piagetiana. Educação: Revista do Centro de Educação da UFSM, v.36, n.12, maio/ago., 2011, p. 279-296. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao/article/view/2361. Acesso em: 18 jan. 2018.

PERALTA, Tânia; OLIVEIRA, Francismara Neves. A relação entre escola e trabalho: a realidade social na perspectiva de crianças. Educação em Questão, UFRN, Natal, v. 55, n. 45, p. 200-226, jul./set. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/educacaoemquestao/article/view/12751. Acesso em: 14 mar. 2019.

PIAGET, Jean. A equilibração das estruturas cognitivas. Tradução de Marion Merlone dos Santos Penna, Rio de Janeiro: Zahar, 1975.

PIAGET, Jean. A representação do mundo na criança. Tradução Rubens Fiúza. Rio de Janeiro: Record, 1979.

QUINO. Toda a Mafalda: da primeira à última tira. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

SARAVALI, Eliane Giachetto; GUIMARÃES, Taislene. Ambientes educativos e conhecimento social: um estudo sobre as representações de escola. Educação em revista, Belo Horizonte, v.26, n.1, 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-46982010000100008&script=sci_abstract&tlng=pt . Acesso em: 14 mar. 2019.

SOUZA, Emilyn Fernanda Pereira de; SARAVALI, Eliane Giachetto. As relações entre o raciocínio lógico-matemático e a construção do conhecimento social: um estudo evolutivo. Cadernos de Educação, Pelotas, n.53, p.101-122, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/caduc/article/view/9155 . Acesso em: 14 mar. 2019.

VICENTINI, Paula Perin; LUGLI, Rosário Genta. História da profissão docente no Brasil. São Paulo: Cortez, 2009.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 ETD - Educação Temática Digital

Downloads

Não há dados estatísticos.