O mistério das comédias entre o cinema e a escola

perguntas de pesquisa às respostas dos professores de Geografia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v23i2.8661488

Palavras-chave:

Cultura docente, Comédia cinematográfica, Cinema, Ensino de geografia, Pesquisa

Resumo

O texto parte da pergunta “onde estão as comédias?” feita aos resultados da pesquisa ‘As telas da escola: cinema e professores de geografia’, realizada entre 2016 e 2019 para mapear as relações entre professores de geografia e cinema, tendo em vista atuar nos processos de regulamentação da lei 13.006/14, que torna(ria) obrigatória a exibição de duas horas de cinema nacional nas escolas brasileiras. As perguntas e resultados aqui expostos buscam expor parcelas da cultura docente evidenciada nas respostas aos questionários, bem como questionar as próprias respostas, uma vez que os números tabulados das preferências docentes cruzados com os títulos de filmes exibidos na escola apontam para o quase desaparecimento das comédias entre os filmes brasileiros mais exibidos nas escolas, a despeito de serem elas um dos gêneros preferidos dos professores que participaram da pesquisa. Ao longo do texto, busca-se dar pistas para responder à pergunta original, bem como busca-se inventar novas perguntas à cultura docente expressa nos resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wenceslao Machado de Oliveira Junior, Universidade Estadual de Campinas

Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Pós-doutorado no Departamento de Geografia da Universidade do Minho, Portugal. Professor Livre Docente pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).  Editor da  Revista Educação Temática Digital - ETD.

Referências

ADEUS, LENIN (filme). Direção: Wolfgang Becker. Alemanha, 2003.

AUTO DA COMPADECIDA (filme). Direção: Guel Arraes. Brasil, 2000.

BARBOSA, Cristiano. O espaço do devir no documentário: cartografia dos encontros entre cinema e escola. Tese. 2016. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação; Faculdade de Educação/Universidade Estadual de Campinas, 2016.

CAZETTA, Valéria. As coreo-geo-grafias em Pina: para fazer a geografia dançar. Revista Entre Lugar, v. 4, p. 19-31, 2013.

CINCO VEZES FAVELA (filme). Direção: Marcos Farias, Miguel Borges, Cacá Diegues, Joaquim Pedro de Andrade e Leon Hirszman. Brasil, 1962.

COLEGAS (filme). Direção: Marcelo Galvão. Brasil, 2013.

CONCURSO, O (filme). Direção: Pedro Vasconcelos. Brasil, 2013.

DOMÉSTICAS (filme). Direção: Nando Olival e Fernando Meirelles. Brasil, 2001.

ESTÔMAGO (filme). Direção: Marcos Jorge. Brasil, 2008.

FERRAZ, Claudio Benito; NUNES, Flaviana Gasparotti. Ser professor: deformar e criar pensamentos. Revista Percursos, v. 13, n. 2, p. 94-113, 2012.

FERRAZ, Claudio Benito; NUNES, Flaviana Gasparotti (Orgs.). Imagens, Geografias e Educação - intenções, dispersões e articulações. Dourados: Editora da UFGD, 2013.

FRESQUET, Adriana (Org.) Cinema e educação: a lei 13006. Reflexões, perspectivas e propostas. Ouro Preto: Universo, 2015.

HOMEM QUE COPIAVA, O (filme). Direção: Jorge Furtado. Brasil, 2003.

HOLLMAN, Verónica. El agua vale más que el oro”: cine documental y conflictos ambientales en Argentina IN: AZEVEDO, Ana Francisca; CERAROLS, Rosa Ramirez; OLIVEIRA JR, Wenceslao Machado (Orgs.). Intervalo - entre Geografias e Cinemas. Volume I. Braga: Editora da Uminho, p. 201-228, 2015.

LINS, Consuelo; MESQUITA, Cláudia. Filmar o real: Sobre o documentário brasileiro contemporâneo. Rio de Janeiro, Jorge Zahar Ed, 2008.

LISBELA E O PRISIONEIRO (filme). Direção: Guel Arraes. Brasil, 2003.

MÁQUINA, A (filme). Direção: João Falcão. Brasil, 2005.

NARRADORES DE JAVÉ (filme). Direção: Eliane Caffé. Brasil, 2005.

OLIVEIRA JR, Wenceslao Machado (Org.). Dossiê A educação pelas imagens e suas geografias. Campinas: Revista Proposições, v. 60, 2009.

OLIVEIRA JR, Wenceslao Machado. O mistério das comédias entre o cinema e a escola - primeiras perguntas de uma pesquisa às respostas dos professores de Geografia. In: Encontro Nacional de Prática de Ensino em Geografia. Belo Horizonte. Anais do XII ENPEG, v. 1. p. 1142-1162, 2017. Disponível em: https://ocs.ige.unicamp.br/ojs/anais14enpeg/index

OLIVEIRA JR, Wenceslao Machado; GIRARDI, Gisele. O cinema como diferença na linguagem do ensino de geografia: uma cartografia provisória. Revista Brasileira de Educação em Geografia, v. 10, p. 45-66, 2020.

PREVE, Ana Maria Hoepers. Perder-se: experiência e aprendizagem. In: CAZETTA, V. e OLIVEIRA JR, W. M. (Orgs.). Grafias do Espaço: imagens da educação geográfica conteporânea. São Paulo: Editora Alínea, p. 257-277, 2013.

ORLANDI, Luiz. Deleuze – entre caos e pensamento. In: AMORIM, Antônio Carlos; MARQUES, Davina; DIAS, Susana (Orgs.). Conexões: Deleuze e Imagem e Pensamento e.... Petrópolis, Campinas: DP et Alii, CNPq, p. 145-154, 2011.

PALHAÇO, O (filme). Direção: Selton Mello. Brasil, 2011.

PIPANO, Isaac. Isso que não se – Pistas para uma pedagogia das imagens. Tese. 2019. (Doutorado em Comunicação) – Programa de Pós-Graduação em Comunicação; Universidade Federal Fluminense, 2019. Disponível em: https://www.issoquenaoseve.com/

POLICASTRO, Camila Benatti. “É só um filme”: aproximação da geografia escolar com o outro no/do cinema. 2020. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso) – Licenciatura em Geografia. Universidade Estadual de Santa Catarina, 2020.

QUE HORAS ELA VOLTA? (filme). Direção: Ana Muylaert. Brasil, 2015.

REIS JUNIOR, A. Cinema brasileiro na escola pública – reconhecimento na diferença. Tese. 2010. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação; Faculdade de Educação/Universidade Estadual de Campinas, 2010. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/251343

SANEAMENTO BÁSICO (filme). Direção: Jorge Furtado. Brasil, 2007.

SELIGMAN, Flávia. A Tradição Cultural da Comédia Popular Brasileira na Pornochanchada dos Anos 70. In: XXVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação / IV Encontro dos Núcleos de Pesquisa da Intercom. Porto Alegre, 2004.

TAPETE VERMELHO (filme). Direção: Luiz Alberto Pereira. Brasil, 2006.

TEMPOS MODERNOS (filme). Direção: Charles Chaplin. Estados Unidos, 1936.

VASCONCELLOS, Luis Paulo. Dicionário de teatro. Porto Alegre: L&PM, 1986.

Publicado

2021-05-19

Como Citar

OLIVEIRA JUNIOR, W. M. de. O mistério das comédias entre o cinema e a escola: perguntas de pesquisa às respostas dos professores de Geografia. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 23, n. 2, p. 374–393, 2021. DOI: 10.20396/etd.v23i2.8661488. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8661488. Acesso em: 26 jul. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)