História da educação, espaços e tempos

trajetórias e repercussões de um diretório de pesquisa do Centro-Oeste

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v21i00.8663667

Palavras-chave:

História da educação, Diretório/grupo de pesquisa, Centro-Oeste

Resumo

Ao longo deste artigo apresentaremos a trajetória e as ressonâncias do Diretório/Grupo de Pesquisa “Educação, História, Memória e Culturas em diferentes espaços sociais”, no período que abrange a sua criação até o ano de 2020. O texto foi construído levando em conta detalhes qualitativos e quantitativos que refletem a realidade do Diretório/Grupo de Pesquisa, consequentemente, da pesquisa em História da Educação no Centro-Oeste e no Brasil. O trabalho é uma manifestação de resistência e de esperança. Resistência que se faz em não se render jamais aos desânimos e cansaços provocados pela ganância e pelas posturas governamentais e institucionais intransigentes que deliberam desgoverno, desrespeito e destruição em relação à pesquisa acadêmica e científica no Brasil. Esperança que reativa o sonho, possibilita a militância e alimenta o compromisso de prosseguir e avançar na contribuição para os estudos e pesquisas na área da História da Educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Zeneide Carneiro Magalhães de Almeida, Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Doutorado em História pela Universidade de Brasília (UNB). Professora Adjunta da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás).

José Maria Baldino, Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Doutorado em Educação pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP-Marília). Professor Adjunto da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás).

César Evangelista Fernandes Bressanin, Universidade Federal do Tocantins

Mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás). Técnico em Assuntos Educacionais na Universidade Federal do Tocantins (UFT).

 

 

Referências

ALMEIDA, M. Z. C. M. (Org.). ENCONTRO DE HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO DO CENTRO-OESTE, 5., 2019, Goiânia. Anais [...]. Goiânia: Kelps, 2019.

ALMEIDA, M. Z. C. M. et al., (Org.). Educação, história e memória: formação de professores em diferentes espaços culturais. Goiânia: PUC-GO, 2016.

ALMEIDA, M. Z. C. M.; BALDINO, J. M.; CAMARGO, K. G. F. (Org.). Educação & memórias: narrativas e oralidades. Goiânia: PUC Goiás/Espaço Acadêmico, 2018.

ALMEIDA, M. Z. C. M.; BALDINO, J. M.; MOREIRA, S. A. (Org.). História cultural e história da educação: métodos, fontes e objetos. Goiânia: Ed. da PUC Goiás, 2016.

ALMEIDA, M. Z. C. M.; BALDINO, J. M.; PEREIRA, A. M. F. (Org.). Educação no/do campo: histórias, memórias, políticas públicas e práticas educativas. Goiânia: Espaço Acadêmico, 2020.

ALMEIDA, M. Z. C. M.; BALDINO, J. M.; DIAS, K. G. (Org.). Cultura escolar: histórias e memórias em diferentes espaços sociais. Goiânia: Espaço Acadêmico, 2019.

ALMEIDA, M. Z. C. M.; BRESSANIN, C. E. F. (Org.). Memória e democracia: os tempos e espaços da história da educação. Goiânia: Espaço Acadêmico, 2019.

BALDINO, J. M.; FREITAS, F. S. DE. Movimento de ocupação de escolas públicas-jovens estudantes contra a gestão da escola pública por organizações sociais. Educativa, Goiânia, v. 19, p. 902-926, 2017. Disponível em: http://seer.pucgoias.edu.br/index.php/educativa/article/view/5457. Acesso em: 30 mar. 2020.

BARBOSA, et al. (Org.). História da educação em Goiás: objetos e abordagens em diferentes espaços sociais. São Carlos: edro & João, 2020.

BIANCHETTI, L. et al. A iniciação à pesquisa no Brasil: políticas de formação de jovens pesquisadores Educação. Revista do Centro de Educação, v. 37, n. 3, p. 569-584, sep./dic. 2012. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao/article/view/5012. Acesso em: 03 abr. 2020.

BOURDIEU, P. O campo científico. In: ORTIZ, R. (Org.). Pierre Bourdieu: sociologia. São Paulo: Ática, 1983. p. 122-155.

BRESSANIN, C. E. F.; ALMEIDA, M. Z. C. M. Educação dominicana/anastasiana nos sertões do norte do brasil: os colégios Santa Rosa de Lima e Sagrado Coração de Jesus. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO, 10., 2019, Belém-PA. Anais Eletrônicos [...]. Belém-PA: Sociedade Brasileira de História da Educação, 2019a. p. 997-1009.

BRESSANIN, C. E. F.; ALMEIDA, M. Z. C. M. História e memória educacional: a trajetória do Instituto Nossa Senhora de Lourdes de Arraias-TO. In: XI SEMINÁRIO NACIONAL DO HISTEDBR, 11; SEMINÁRIO INTERNACIONAL DESAFIOS DO TRABALHO E EDUCAÇÃO NO SÉCULO, 4.: SEMINÁRIO INTERNACIONAL DO HISTEDBR, 21., 2019, Uberlândia, MG. Anais [...]. Uberlândia-MG: Navegando Publicações, 2019b. p. 32-32.

BUFFA, E. Os 30 anos do GT História da Educação: sua contribuição para a constituição do campo. REUNIÃO NACIONAL DA ANPED, 37, 2015, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2015. Disponível em: https://anped.org.br/sites/default/files/trabalho-de-ester-buffa-para-o-gt02.pdf. Acesso em: 15 ago. 2020.

CARVALHO, M.; BUENO, B. Editorial. Educação & Pesquisa, São Paulo, v. 30, n. 1, p. 7-8, jan./abr. 2004. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/ep/article/view/27930. Acesso em: 12 abr. 2020.

CAVALCANTE, C. V.; BALDINO, J. M.; HAMU, D. R. P. Política de cotas nas universidades públicas brasileiras: deslocamento discursivo afirmativo para compensatório em tempos de universalização de cotas para quase todos? RCE - Revista Científica de Educação, v. 1, p. 55-77, 2016. Disponível em: https://seer.facmais.edu.br/rc/index.php/RCE/article/view/7. Acesso em: 02 abr. 2020.

DEMO, P. Metodologia científica em Ciências Sociais. São Paulo: Atlas, 1995.

FALEIRO, W.; ALVES, M. Z.; ALMEIDA, M. Z. C. M (Org.). Lemas e dilemas em defesa da educação popular. Uberlândia: Navegando Publicações, 2019.

FARIAS, G. F.; ANTUNES, H. S. A constituição de grupos de pesquisa e a figura feminina: a trajetória do grupo de estudos e pesquisa sobre formação inicial, continuada e alfabetização (GEPFICA) no cenário social. Travessia, v. 3, n. 3, p. 1-19, 2009. Disponível em: http://e-revista.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/3445/2739. Acesso em: 02 abr. 2020.

GAMBOA, S. S. Grupos de pesquisa: limites e possibilidade na construção de novas condições para a produção do conhecimento. Motrivivência, ano XXIII, n. 36, p. 268-290, jun. 2011. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2011v23n36p268. Acesso em: 01 abr. 2020.

GOMES, M. T. S. A trajetória do NUPERG: a importância de grupos de pesquisa como espaço de reflexão e construção do conhecimento. Caderno Prudentino de Geografia, Presidente Prudente, v. 1, n. 41, p. 141-151, jan./jun. 2019. Dossiê “60 Anos do Departamento de Geografia da UNESP/FCT. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/cpg/article/view/6526. Acesso em: 31 mar. 2020.

HAYASHI, C. R. M.; FERREIRA JUNIOR, A. O campo da história da educação no Brasil: um estudo baseado nos grupos de pesquisa. Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 15, n. 3, p. 167-184, nov. 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/aval/v15n3/09.pdf. Acesso em: 01 abr. 2020.

HAYASHI, C. R. M. Reflexões em torno da pesquisa e da produção do conhecimento em educação no Brasil. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, n. 49, p. 45-70, mar. 2013. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8640320. Acesso em: 13 abr. 2020.

MAXIMINO, V.; LIBERMAN, F. Grupos e terapia ocupacional: formação, pesquisa e ações. São Paulo: Summus, 2015.

OLIVEIRA, D. L.; ALMEIDA, M. Z. C. M. (Org.). Hannah Arendt: pensando a educação - raças, instalações, ambiência, alimentação e criação. Goiânia: Kelps, 2019.

ROSSIT, R. A. S. et al. Grupo de pesquisa como espaço de aprendizagem em/sobre educação interprofissional (EIP): narrativas em foco. INTERFACE – Comunicação, saúde e educação, v. 22, supl. 2, p. 1511-23, 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-32832018000601511&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 31 mar. 2020.

SAMEA, M. O dispositivo grupal como intervenção em reabilitação: reflexões a partir da prática em terapia ocupacional. Revista Terapia Ocupacional, v. 19, n. 2, p. 85-90, 2008. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rto/article/view/14033. Acesso em: 12 abr. 2020.

SAVIANI, D., et. Al. Sociedade Brasileira de História da Educação: constituição, organização e realizações. Revista Brasileira De História Da Educação, v. 11, nº. 3, p. 13-45. Disponível em: https://periodicos.uem.br/ojs/index.php/rbhe/article/view/38762. Acesso em: 26 abr. 2020.

SILVA, A.; ABRAMOWICZ, A.; BITTAR, M. Apresentação. In: SILVA, A.; ABRAMOWICZ, A.; BITTAR, M. (org.). Educação e pesquisa: diferentes percursos, diferentes contextos. São Carlos: RiMa, 2004. p. vii-ix.

SILVA, J. C. da et al. Grupo de pesquisa e a história da educação brasileira: o itinerário do HISTEDBR – GT Cascavel. VII JORNADA DO HISTEDBR “O TRABALHO DIDÁTICO NA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO”, 7., Campo Grande, 2007. Anais [...]. Campo Grande, 2007. Disponível em: http://www.histedbr.fae.unicamp.br/acer_histedbr/jornada/jornada7/03trab-gt-gt1.htm. Acesso em: 26 abr. 2020.

SILVA, V. J. da et al., (Org.). Patrimônio cultural e espaços sociais. João Pinheiro: Patrimônio Cultural de João Pinheiro, 2020.

VIDAL, D. G.; FARIA FILHO, L. M. de. História da educação no Brasil: a constituição histórica do campo: 1880-1970. Revista Brasileira de História, v. 23, n. 45, p. 37-70, jan./jul. 2003. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbh/v23n45/16520.pdf. Acesso em: 20 abr. 2020.

VINHA, J. F. de S. C. A pesquisa e a universidade no Brasil: organização e institucionalização dos grupos de pesquisa em Geografia. Revista Brasileira De Educação Em Geografia, v. 5, n. 9, p. 29-55, 2015. Disponível em: http://www.revistaedugeo.com.br/ojs/index.php/revistaedugeo/article/view/173. Acesso em: 03 maio 2020.

WARDE, M. J. Questões teóricas e de método: a história da educação nos marcos de uma história das disciplinas. In: SAVIANI, D; LOMBARDI, J. C.; SANFELICE, J. L. (Org.). História e história da educação: o debate teórico-metodológico atual. Campinas: Autores Associados: HISTDBR, 1998.

YÁZIGI, E. Deixe sua estrela brilhar. Criatividade nas ciências humanas e no planejamento. São Paulo: CNPQ/PLÊIADE, 2005.

Downloads

Publicado

2021-05-03

Como Citar

ALMEIDA, M. Z. C. M. de; BALDINO, J. M. .; BRESSANIN, C. E. F. . História da educação, espaços e tempos: trajetórias e repercussões de um diretório de pesquisa do Centro-Oeste. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 21, n. 00, p. e021007, 2021. DOI: 10.20396/rho.v21i00.8663667. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8663667. Acesso em: 20 set. 2021.