Da exposição Nova Objetividade Brasileira ao evento Do Corpo à Terra
PDF

Palavras-chave

Arte e política
neovanguarda
Hélio Oiticica
Frederico Morais.

Como Citar

RIBEIRO, M. A. Da exposição Nova Objetividade Brasileira ao evento Do Corpo à Terra. MODOS: Revista de História da Arte, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 136–148, 2017. DOI: 10.24978/mod.v1i3.870. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/mod/article/view/8662240. Acesso em: 2 mar. 2024.

Resumo

O texto discute as manifestações das neovanguardas que ocorreram no Brasil durante o início da ditadura militar (1964/85), focalizando o pensamento de Hélio Oiticica na articulação da exposição Nova Objetividade Brasileira e de Frederico Morais na organização do evento Do Corpo à Terra.

https://doi.org/10.24978/mod.v1i3.870
PDF

Referências

ALVARADO, D.P. O objeto na arte. Brasil – anos 60. São Paulo: FAAP, 1978.

AMARANTE, L. X Bienal – 1969. In: ______. As Bienais de São Paulo, 1951-1987. São Paulo: Projeto, 1989, p. 182-198.

ARANTES, O. Depois das vanguardas. Arte em Revista, São Paulo, n.7, ano 5, ago. 1983.

COUTO, M.F.M. Por uma vanguarda nacional. A crítica brasileira em busca de uma identidade artística. Campinas: Editora UNICAMP, 2004.

BRAGA, P. (Org.). Fios soltos: a arte de Hélio Oiticica. São Paulo: Perspectiva, 2008.

BRETT, G. Brasil Experimental: arte/vida, proposições e paradoxos. Rio de Janeiro: Contra Capa Livraria, 2005.

BRETT, G.; DAVID, C.; DERCON, C.; FIGUEIREDO, L.; PAPE, L. (Orgs.). Hélio Oiticica. Catálogo de exposição itinerante. Rio de Janeiro: Projeto Hélio Oiticica, 30 setembro 1996-30 janeiro1997.

DUARTE, P.S. Hélio Oiticica. Da adversidade vivemos. In: _____. Anos 60. Transformações da arte no Brasil. Rio de Janeiro: Campos Gerais, 1998. p. 58-65.

FAVARETTO, C. Tropicália, alegoria, alegria. São Paulo: Kairos, 1979.

FOSTER, H. Quem tem medo da neovanguarda? In: ______. O retorno do real: a vanguarda no final do século XX. São Paulo: Cosac Naify, 2014. p. 21-49.

MORAIS F. A crise da vanguarda no Brasil. In: ______. Artes plásticas: a crise da hora atual. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1975. p. 69-117.

MORAIS, F. (Org.). Opinião 65. Rio de Janeiro: BANERJ, 1985.

MORAIS, F. Contra a arte afluente: o corpo é o motor da obra. Revista de Cultura Vozes. Vanguarda brasileira: caminhos &situações, Petrópolis, ano 64, v. 35, p. 45-59, 1970.

MORAIS, F. Do Corpo à Terra. Um marco radical na arte brasileira. Catálogo da exposição realizada no Itaú Cultural, Belo Horizonte, 26 de outubro de 2001-25 de janeiro de 2002.

MORAIS, F. Manifesto Do Corpo à Terra. In: RIBEIRO, Marília Andrés. Neovanguardas, Belo Horizonte, anos 60. Belo Horizonte: C/Arte, 1997, p. 295-299.

OITICICA, H. Esquema geral da Nova Objetividade. In: ______. Aspiro ao grande labirinto. Rio de Janeiro: Rocco, 1986, p. 94-98.

RIBEIRO, M. A. Neovanguardas, Belo Horizonte, anos 60. Belo Horizonte: C/Arte, 1997.

SCHENBERG, M. Proposta 65. In: ______. Pensando a arte. São Paulo: Nova Stella Editorial, 1988, p. 179-180.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2018 MODOS

Downloads

Não há dados estatísticos.