Gestão da qualidade em serviços de informação do setor público: características e dificuldades para sua implantação

Palavras-chave: Gestão da qualidade total. Serviços de informação. Mudança de paradigmas. Motivação

Resumo

Este artigo tece uma reflexão sobre as perspectivas e dificuldades de implantação do modelo de gestão pela qualidade total em unidades de informação. Discorre sobre a importância de se perceber as organizações dentro de uma visão integrada para garantir o processo de melhoria contínua em busca da excelência. Discute também as questões de motivação, de mudança de paradigmas e as barreiras mentais e organizacionais que afetam o desempenho das pessoas nos serviços de informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rose Mary Juliano Longo, SBusiness School São Paulo
Graduação em Biblioteconomia pela Universidade Federal Fluminense (1974), mestrado em Ciência da Informação - School Of Library Services (1978) e doutorado em Phd Em Information Studies - University Of Sheffield Department Of Information Studies (1985). Atualmente é Coordenadora do curso de Pós-Graduação latu sensu em Gestão do Conhecimento e do Capital Intelectual do Senac-SP, tutor de ensino a distância da Fundação Getúlio Vargas - RJ e professor iii - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Gestão Estratégica do Conhecimento, atuando principalmente nos seguintes temas: sistemas de informação, gestão da qualidade total, mudança de paradigmas, indicadores de qualidade e informação agrícola.
Waldomiro Vergueiro, USP/ECA
Graduação em Biblioteconomia e Documentação pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (1977), mestrado em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo - ECA/USP (1985), doutorado em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (1990) e pós-doutorado pela Loughborough University of Technology (Inglaterra) e Universidad Carlos III de Madrid (Espanha). Professor da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, atuando na graduação em Biblioteconomia, bem como no mestrado e doutorado em Ciência da Informação e Ciências da Comunicação, tendo orientado 11 mestrados e 12 doutorados, além de supervisionado diversas pesquisas de pós-doutorado. Atualmente é professor titular aposentado da ECA/USP. Fundador e coordenador do Observatório de Histórias em Quadrinhos, também na ECA/USP. Editor da revista 9ª Arte, do Observatório de Histórias em Quadrinhos. Atua como membro do corpo editorial de diversas revistas científicas no Brasil e no exterior. Publicou dezenas de artigos em periódicos científicos nacionais e internacionais. Autor e/ou organizador de mais de uma dezena de livros, entre os quais podem ser destacados: Seleção de Materiais de Informação, Aquisição de Materiais de Informação, Qualidade em Serviços de Informação, Novas tendências em Gestão da Informação,Como usar as Histórias em Quadrinhos na sala de aula, Historieta latinoamericana, v. 3: Brasil, História em Quadrinhos no Brasil, Quadrinhos na Educação: da Rejeição à Prática, Os Pioneiros na Pesquisa em Quadrinhos no Brasil e Muito além dos Quadrinhos. Produz principalmente nos seguintes temas: historias em quadrinhos, historias em quadrinhos - brasil, biblioteconomia, desenvolvimento de coleções e bibliotecas - qualidade.
Publicado
2004-12-01
Como Citar
Longo, R. M. J., & Vergueiro, W. (2004). Gestão da qualidade em serviços de informação do setor público: características e dificuldades para sua implantação. RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 1(1), 39-59. https://doi.org/10.20396/rdbci.v1i1.2088
Seção
Artigos