Banner Portal
Testes aritméticos no cotidiano da Escola Normal de Casa Branca
PDF

Palavras-chave

Pedagogia experimental
Testes pedagógicos
Aritmética
Escola primária

Como Citar

PINHEIRO, Nara Vilma Lima. Testes aritméticos no cotidiano da Escola Normal de Casa Branca. Zetetike, Campinas, SP, v. 24, n. 2, p. 225–236, 2016. DOI: 10.20396/zet.v24i2.8646519. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646519. Acesso em: 22 abr. 2024.

Resumo

Esse artigo analisa as tentativas da Escola Normal de Casa Branca de dar base científica a organização escolar em tempos da pedagogia experimental. Trata-se de um tempo que os discursos científicos orientavam a transformação das escolas em verdadeiros laboratórios para diagnosticar os problemas educacionais e dar-lhes a cura por meio de métodos de ensino adequados. Fundamentada nos estudos advindos da História Cultural buscou-se analisar o estabelecimento dos testes na cultura escolar para subsidiar mudanças na prática pedagógica do ensino de aritmética. Tem-se como questão norteadora saber: que usos e interpretações da pedagogia experimental fez a Escola Normal de Casa Branca para o ensino de aritmética, tendo-se como obra referência Introdução ao Estudo da Escola Nova? O estudo evidenciou que ainda não está em foco questões relativas à aprendizagem aritmética, o que se tem é uma preocupação com o desenvolvimento psicológico da criança de modo a se ter um maior rendimento do ensino. 

https://doi.org/10.20396/zet.v24i2.8646519
PDF

Referências

ALMEIDA JÚNIOR. A. (1936). Advertência. In Uma Escola de Applicação. Boletim no 9. São Paulo: Secretaria da Educação e da Saúde Pública.

AVANZINNI, G. (1969). Alfred Binet et la pédagogie scientifique (M. Husson, prefácio). Paris: Librairie Philosophique J. Vrin.

BAPTITA, M. T. D. da S. (2001). Noemy da Silveira Rudolfer (1902-1988). In Campos, R. H. de F. (Org.), Dicionário biográfico da psicologia no Brasil. Rio de Janeiro: Imago; Brasília, DF:CFP.

CAMPOS, R. H. de F.; GOUVEA, M. C. S. & GUIMARÃES, P. C. D. (2014). A recepção da obra de Binet e dos testes psicométricos no Brasil: contrafaces de uma história. Revista Brasileira de História da Educação, 14(2), 215-242.

CHARTIER, R. (2002). História cultural – entre práticas e representações. Lisboa: Difel; Rio de Janeiro: Bertrand Brasil S.A.

FONSECA, M. A.(1936). Relatório das atividades desenvolvidas durante o ano de 1936, no Curso Primário Anexo à Escola Normal de Casa Branca. Casa Branca, SP. Acervo: Escola Caetano de Campos.

JULIA, D. (2001). A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira de História da Educação, 1, 9-44.

LOURENÇO FILHO, M. B. (1930). Introdução ao estudo da escola nova: bases, sistemas e diretrizes da pedagogia contemporânea. São Paulo: Melhoramentos.

MONARCHA, C. (2009). Notas sobre a Institucionalização da Psicologia em São Paulo: o serviço de Psicologia Aplicada (1930-1938). Bol. Acad. Paul. de Psicol., 29(01), 7-15. Retirado em 13 outubro de 2015, de http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=94611474002

NIIHARD, R. (1946). O método dos Tests: para iniciação dos professores (M. de Campos, trad.). São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1946.

PINHEIRO, N. V. L. (2015). O ensino de aritmética nas classes laboratório do curso primário anexo à Escola Normal Padre Anchieta. In Anais do XII Seminário Temático Saberes Elementares Matemáticos do Ensino Primário (1890 – 1971): o que dizem as revistas pedagógicas? (pp. 257-269), Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, Paraná.

REGISTRO das Reuniões para pesquisas e estudos dos membros da Assistência Técnica de Psicologia Aplicada da Diretoria Geral de Ensino, 01/07/1931 a 14/03/1932. Acervo: Centro de Memória do Instituto de Psicologia da USP.

SOUZA, L. A., & GARNICA, A. V. M. (2012). Movimentos de um movimento: um estudo sobre os significados atribuídos ao escolanovismo e seus ritmos. Educ. Matem. Pesq., 14(3), 481-506. Retirado em 17 julho de 2016, de http://revistas.pucsp.br/index.php/emp/article/viewFile/12766/9357

THORNDIKE, E. L. (1936). A nova metodologia da Aritmética (A. Coelho, trad.). Porto Alegre, RS: Globo.

VALENTE, W. R. (2014). A era dos tests e a pedagogia científica: um tema para pesquisas na Educação Matemática. Revista Acta Scientiae,16, 11-26.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Zetetiké: Revista de Educação Matemática

Downloads

Não há dados estatísticos.