A participação da história no ensino de matemática : pontos de vista historiográfico e pedagógico

  • Línlya Natássia Sachs Camerlengo de Barbosa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo
  • Marcos Rodrigues da Silva Universidade Estadual de Londrina
Palavras-chave: Educação matemática. História da matemática. Reconstrução histórica. Historiografia. História no ensino de matemática.

Resumo

Muitos autores das áreas de Educação Matemática e de Ensino de Ciências têm apontado que a história da matemática e das ciências em geral deva ser incorporada ao ensino dos conteúdos específicos dessas áreas. Mostraremos aqui, analisando-os cuidadosamente, alguns argumentos apresentados por eles. Pretendemos apresentar uma reflexão sobre esta participação da história no ensino sob dois pontos de vista distintos: historiográfico e pedagógico. Por fim, indicaremos alguns encontros e desencontros entre eles, de modo que explicitemos o problema e as dificuldades envolvidas na participação da história no ensino, para que ela não aconteça nem seja defendida de uma maneira ingênua e irresponsável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Línlya Natássia Sachs Camerlengo de Barbosa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo
Graduada em bacharelado e licenciatura em Matemática pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em Ensino de Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), doutoranda em Educação Matemática pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) e professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, campus Araraquara (IFSP).
Marcos Rodrigues da Silva, Universidade Estadual de Londrina
Graduado e mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), doutor em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP) e professor adjunto  da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Referências

BARBOSA, L. N. S. C. Uma reconstrução histórico-filosófica do surgimento das geometrias não euclidianas. 2011. 68p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2011.

BARKER, S. T. Filosofia da Matemática. Tradução de L. Hegenberg e O. Silveira da Mota. Rio de Janeiro: Zahar, 1969.

D’AMBROSIO, U. A História da Matemática: questões historiográficas e políticas e reflexos na Educação Matemática. In: BICUDO, M. A. V. (Org.). Pesquisa em Educação Matemática: concepções e perspectivas. São Paulo: Editora UNESP, 1999. p. 97-115.

D’AMBROSIO, U. A interface entre História e Matemática: uma visão histórico-pedagógica. In: FOSSA, J. A. (Org.). Facetas do diamante: ensaios sobre Educação Matemática e História da Matemática. Rio Claro: SBHMat, 2000. p. 241-271.

D’AMBROSIO, U. Tendências historiográficas na história da ciência. In: ALFONSO-GOLDFARB, A. M.; BELTRAN, M. H. R. (Org.). Escrevendo a História da Ciência: tendências, propostas e discussões historiográficas. São Paulo: EDUC/Livraria Editora da Física, 2004. p. 165-200.

HOUAISS, A. Houaiss eletrônico. Rio de Janeiro: Objetiva, 2009. CD-ROM.

KRAGH, H. Introdução à historiografia da Ciência. Porto: Porto Editora, 2002.

LENOIR, T. Instituindo a ciência: a produção cultural das disciplinas científicas. Tradução de Alessandro Zir. São Leopoldo: Editora UNISINOS, 2003.

MARTINS, A. F. P. História e filosofia da ciência no ensino: há muitas pedras nesse caminho... Caderno Brasileiro de Ensino de Física, Florianópolis, v. 24, n. 1, p. 112-131, 2007.

MATTHEWS, M. R. História, Filosofia e ensino de Ciências: a tendência atual de reaproximação. Tradução de Claudia Mesquita de Andrade. Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis, v. 12, n. 3, p. 164-214, 1995.

MAYR, E. O desenvolvimento do pensamento biológico: diversidade, evolução e herança. Tradução de Ivo Martinazzo. Brasília: UNB, 1998.

MIGUEL, A. Três estudos sobre História e Educação Matemática. 1993. 274 p. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1993.

MIGUEL, A.; MIORIM, M. A. História na Educação Matemática: propostas e desafios. Belo Horizonte: Autêntica, 2005.

OLIVEIRA, V. D. R. B. As dificuldades da contextualização pela história da Ciência no ensino de Biologia: o episódio da dupla-hélice do DNA. 2009. 97 p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2009.

SANTOS, C. H. V. História e filosofia da ciência nos livros didáticos do Ensino Médio: análise do conteúdo sobre a origem da vida. 2006. 105 p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2006.

SCHAFF, A. (1971) História e verdade. Tradução de Maria Paula Duarte. 5. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

SIU, M.-K. “No, I don’t use history of mathematics in my class. Why?”. In: FURINGHETTI, F.; KAIJSER, S.; TZANAKIS, C. (Ed.). Proceedings of HPM 2004 & ESU 4. Iraklion, Greece: University of Crete, 2006. p. 268-277.

Publicado
2014-04-16
Como Citar
Barbosa, L. N. S. C. de, & Silva, M. R. da. (2014). A participação da história no ensino de matemática : pontos de vista historiográfico e pedagógico. Zetetike, 21(1), 103-120. https://doi.org/10.20396/zet.v21i39.8646600
Seção
Artigo