Banner Portal
Letramento probabilístico de professores de matemática do Ensino Fundamental
PORTUGUÊS
INGLÊS

Palavras-chave

Educação estatística
Letramento probabilístico
Formação de professores que ensinam estatística
Educação matemática

Como Citar

EUGÊNIO, R. da S.; MONTEIRO, C. E. F.; CARVALHO, L. M. T. L. de. Letramento probabilístico de professores de matemática do Ensino Fundamental: reflexões da formação continuada. Zetetike, Campinas, SP, v. 30, n. 00, p. e022018, 2022. DOI: 10.20396/zet.v30i00.8661705. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8661705. Acesso em: 26 fev. 2024.

Resumo

O ensino de probabilidade é pouco abordado em cursos de formação inicial de professores que ensinam matemática, assim, a formação continuada adquire relevância. Este artigo apresenta aspectos de um estudo de doutorado finalizado sobre o letramento probabilístico em seis encontros de formação continuada, os quais foram filmados e contaram com a participação de cinco professores dos anos finais do ensino fundamental. Analisam-se os dados de entrevistas semiestruturadas individuais e do primeiro encontro. Os resultados sugerem que os professores tinham uma compreensão elementar sobre o conceito de probabilidade e seu ensino, seguindo uma perspectiva voltada para a aplicação da forma laplaciana de probabilidade, sem desenvolver em sua prática uma discussão crítica sobre os conceitos, nem fomentar a ideia de letramento probabilístico.

https://doi.org/10.20396/zet.v30i00.8661705
PORTUGUÊS
INGLÊS

Referências

Almeida, M. E. B. (2000). Informática e Formação de Professores. Brasilia: MEC.

Batanero, C. (2001). Didáctica de la estadística. Granada: Universidad de Granada.

Batanero, C. (2005). Significados de la probabilidad en la educación secundaria. Revista Latinoamericana de Investigacion en Matemática Educativa, 8(3), 247-263.

Bennett, D. J. (1998). Randomness. Cambridge, Mass: Harvard University.

Campos, T. M. M., & Pietropaolo, R. C. (2013). Um estudo sobre os conhecimentos necessários ao professor para ensinar noções concernentes à probabilidade nos anos iniciais. In R. Borba & C. Monteiro (Orgs.), Processos de ensino e aprendizagem em educação matemática (pp. 55-61). Recife: Editora Universitária da UFPE.

Contreras, J. M., Diaz, C., Batanero, C., & Ortiz, J. (2010). Razonamiento Probabilístico de Profesores y su Evolucion en un Taller Formativo. Educação Matemática Pesquisa, 12(2), 181-198.

Costa, W. N. G., & Pamplona, A. S. (2011). Entrecruzando Fronteiras: a Educação Estatística na formação de Professores de Matemática. Boletim de Educação Matemática, 24(40), 897-911.

D’Ambrosio, U. (1998). Etnomatemática: Arte ou técnica de explicar ou conhecer. 5ª Edição. São Paulo: Ática.

Eugênio, R. S. (2019). Letramento Probabilístico nos Anos Finais do Ensino Fundamental: um processo de formação dialógica com professores de matemática. Tese de Doutorado em Educação Matemática e Tecnológica. Recife: Universidade Federal de Pernambuco. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/38245

Fiorentini, D., & Nacarato, A. M. (2005). Introdução: Investigando e teorizando a partir da prática a cultura e o desenvolvimento de professores que ensinam matemática. In D. Fiorentini, & A. M. Nacarato (Orgs.). Cultura, formação e desenvolvimento profissional de professores que ensinam matemática (pp. 7-17). São Paulo: Musa Editora.

Gal, I. (2000). The numeracy challenge. In I. Gal (Ed.), Adult Numeracy Development: Theory, Research, Practice (pp. 9-31). Cresskill, NJ: Hampton Press.

Gal, I. (2002). Adult statistical literacy: Meanings, components, responsibilities. International Statistical Review, 70(1), 1-25.

Gal, I. (2005). Towards 'probability literacy' for all citizens. In G. Jones (Ed.), Exploring probability in school: Challenges for teaching and learning (pp. 43-71). Dordrecht: Kluwer Academic Publishers.

Kataoka, V. Y., Souza, A. A., Oliveira, A. C. S., Fernandes, F. M. O., Paranaíba, P. F., & Oliveira, M. S. (2008). Probability teaching in Brazilian basic education: evaluation and intervention. Proceedings of the 11th International Congress on Mathematical Education – ICME 11, Mexico, 1-26.

Lopes, C. E. (2008). O Ensino da Estatística e da Probabilidade na Educação Básica e a Formação dos Professores. Cad. Cedes, 28(74), 57-73.

Machado, N. J. (1997). Ensaios transversais: cidadania e educação. São Paulo: Escrituras.

Mendoza, L. P., & Swift, J. (1981). Why teach statistics and probability: a rationale. In A. P. Shulte, & J. R. Smart (Eds.), Teaching statistics and probability (pp. 90-100). Reston: National Council of Teachers of Mathematics.

MEC - Ministério da Educação. (2018). Base Nacional Comum Curricular - BNCC. Brasilia: MEC.

Monteiro, C. E. F. (2016). Letramento estatístico: conceituações e implicações para a Educação Estatística. Anais do 9º Encontro Paraibano de Educação Matemática, 1-9. Disponível em: https://editorarealize.com.br/artigo/visualizar/26539

Niss, M. A., & Jablonka, E. (2014). Mathematical Literacy. In S. Lerman (Ed.), Encyclopedia of Mathematics Education (pp. 391-396). Dordrecht: Springer.

Santos, J. A. F. L., & Grando, R. C. (2011). O Movimento das Ideias Probabilísticas no Ensino Fundamental: análise de um caso. Boletim de Educação Matemática, 24(39), 561-584.

Silva, L. B. (2014). A estatística e a probabilidade nos currículos dos cursos de licenciatura em matemática no Brasil. Dissertação de Mestrado em Educação Matemática e Tecnológica. Recife: Universidade Federal de Pernambuco. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13045

Shaughnessy, J. M. (1992). Research in probability and statistics: reflections and directions. In D. A .Grouws (Ed.), Handbook of researchon mathematics teaching and learning (pp. 465-494). New York: MacMillan Publishing Co.

Shamos, M. H. (1995). The myth of scientific literacy. New Brunswick, NJ: Rutgers University.

Triviños, A. N. S. (1987). Introdução à pesquisa em ciências sociais. São Paulo: Atlas.

Wallman, K. K. (1993). Enhancing Statistical Literacy: Enriching Our Society. Journal of the American Statistical Association, 88(421), 1–8. https://doi.org/10.2307/2290686

Watson, J. (1997). Assessing statistical literacy through the use of media surveys. In I. Gal, & J. Garfield (Eds.), The assessment challenge in statistics education (pp. 107-121). IOS, International Statistical Institute.

Watson, J., & Callingham, R. (2003). Statistical Literacy: a complex hierarchical construct. Statistical Education Reasearch Journal, 2(2), 3-46.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Zetetiké

Downloads

Não há dados estatísticos.