Potencialidades da ação docente com o uso de audiovisuais no ensino de química

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v24i2.8660196

Palavras-chave:

Audiovisuais, Professor, Ensino de química

Resumo

O uso de obras audiovisuais no ensino-aprendizagem já não é mais uma novidade, tanto que tem crescido o interesse por entender e buscar conhecimento sobre ele. O ensino de Química é uma das áreas em que cresceu o número de investigações e relatos sobre o uso de audiovisual, ainda que muitos ainda careçam de um referencial de pesquisa. Neste trabalho apresentamos uma perspectiva teórica-metodológica de pesquisa sobre o uso de audiovisual no ensino e alguns resultados que tivemos em um estudo seguindo essa perspectiva. Fizemos uma observação da aula de um professor de Química sobre funções orgânicas por meio da temática das drogas com o uso de obras audiovisuais. Metodologicamente identificamos os endereçamentos e os significados preferenciais dos vídeos utilizados, descrevemos as atividades e ações de reendereçamento audiovisual e buscamos as relações entre essas ações do professor e as leituras produzidas pelos estudantes. Os principais resultados apontaram para o uso do reendereçamento pelo professor como forma de conduzir os estudantes aos seus objetivos de ensino. Notamos ainda que embora as ações de reendereçamento tenham um efeito regulador, o estudante na posição de espectador conserva sua autonomia na produção de novos significados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisele Abreu Lira Corrêa dos Santos, Colégio Pedro II

Doutorado em Educação em Ciências e Saúde  pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Rio de Janrito, RJ - Brasil. Professor do Ensino Básico e Tecnológico do Colégio Pedro II. Rio de Janeiro, RJ - Brasil.

Luiz Augusto Coimbra de Rezende Filho, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Doutorado em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Rio de Janeiro, RJ - Brasil.
Professor Associado II  pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Rio de Janeiro, RJ - Brasil.

Referências

AGUIAR, Vera Teixeira de; CECCANTINI, João Luís. Uma volta, volta e meia, vamos dar. In: AGUIAR, Vera Teixeira; CECCANTINI, João Luís (Org.). Poesia infantil e juvenil brasileira: uma ciranda sem fim. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2012.

BASTOS, Wagner Gonçalves; REZENDE FILHO, Luiz Augusto Coimbra de; PASTOR JUNIOR, Américo de Araújo. Produção de vídeo educativo por licenciandos: um estudo sobre recepção fílmica e modos de leitura. Ensaio: Pesquisa em Educação em Ciências, Belo Horizonte, v. 17, n. 1, p. 39-58, jan./abr. 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/1983-211720175170102

DISSAT, Elizabeth; REZENDE FILHO, Luiz Augusto Coimbra de. Endereçamento e reendereçamento no uso de um vídeo por uma professora de ciências. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, Ponta Grossa, v. 12, n.1, p. 198-220, jan./abr. 2019. DOI: https://doi.org/10.3895/rbect.v12n1.7386

ELLSWORTH, Elizabeth. Modo de endereçamento: uma coisa de cinema, uma coisa de educação também. In: SILVA, T. T. Nunca fomos humanos: metamorfoses da subjetividade contemporânea. Belo Horizonte: Autêntica, 2001. p. 7-76.

HALL, Stuart. Reflexões sobre o modelo de codificação/decodificção: uma entrevista com Stuart Hall. In: SOVIK, L (Org.). Da diáspora: identidades e mediações culturais. Tradução de Adelaine L. G. Resende et al. Belo Horizonte: UFMG; Brasília: Unesco, 2003, p. 353-386.

REZENDE FILHO, Luiz Augusto Coimbra de; PEREIRA, Marcus Vinícius e VAIRO, Alexandre Cunha. Recursos Audiovisuais como temática de pesquisa em periódicos brasileiros de Educação em Ciências. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v.11, n.2, p.183-204, 2011.

REZENDE FILHO, Luiz Augusto Coimbra de; SANTOS, Gisele Abreu Lira Corrêa dos; VIEIRA, Renato Campos; PEREIRA, Willian Alves. Convergência entre endereçamento e reendereçamento de vídeos na prática de uma professora no ensino superior de ciências. Experiências em Ensino de Ciências, v. 14, n. 2, p. 624-636, 2019.

SÁ, Fernanda Pires de. The Co-Viewing 2.0: detaching from history and applying in the new media age. Culture, v. 11, p. 55-64, 2015.

VANOYE, Francis; GOLIOT-LÉTÉ, Anne. Ensaio sobre a análise fílmica. 6. ed. Campinas: Papirus, 1994.

VASCONCELOS, Flávia Cristina Gomes Catunda de; MELO, Simone Kelli Souza de; ARROIO, Agnaldo; LEÃO, Marcelo Brito Carneiro. O uso de vídeos no ensino de química: análise da temática nas publicações da química nova na escola. In: CONGRESSO INTERNACIONAL SOBRE INVESTIGACIÓN EN DIDÁCTICA DE LAS CIÊNCIAS, 9., Girona, 2013. Atas do... Girona: Comunicación, 2013. p.3624-3630

Downloads

Publicado

2022-05-23

Como Citar

Santos, G. A. L. C. dos, & Rezende Filho, L. A. C. de. (2022). Potencialidades da ação docente com o uso de audiovisuais no ensino de química. ETD - Educação Temática Digital, 24(2), 504–521. https://doi.org/10.20396/etd.v24i2.8660196