Banner Portal
Volta ao mundo on-line
Foto de capa: Antonio Carlos Dias Júnior
PDF

Palavras-chave

Aprendizagem baseada em projetos
Tecnologias digitais
Ensino médio

Como Citar

BRAGA, E. R.; VIALI, L.; LAHM, R. A. Volta ao mundo on-line: o emprego das tecnologias digitais em um projeto transdisciplinar na 2ª série do ensino médio. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 25, n. 00, p. e023040, 2023. DOI: 10.20396/etd.v25i00.8666590. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8666590. Acesso em: 22 fev. 2024.

Resumo

O presente estudo tem por finalidade analisar o desenvolvimento de um projeto transdisciplinar, realizado de forma remota, em função da pandemia desencadeada pela Covid-19, no qual foi empregada a metodologia de aprendizagem baseada em projetos (ABP). Esta proposta objetivou a elaboração de um site com o planejamento de uma viagem para um local pré-definido com estudantes da 2ª série do Ensino Médio de uma escola privada de Porto Alegre. Como fundamentação teórica aborda-se a ABP na perspectiva de Bender (2014). Trata-se de uma pesquisa de cunho qualitativo, sendo que os fenômenos foram estudados em seu contexto. Os dados foram coletados a partir da análise dos sites construídos pelos estudantes e de um questionário aplicado no final do projeto. Ressalta-se, também, que foram apresentados alguns dados quantitativos de modo a complementar as informações coletadas. Na construção dos sites os discentes desenvolveram habilidades referentes à procura de informações na rede WWW (World Wide Web), à escrita sobre os elementos encontrados, à busca e edição de imagens, tomada de decisões frente às questões financeiras e organizacionais de itinerários, constituindo-se, assim, um espaço de aprendizagem e de trabalho colaborativo. Agrega-se a este cenário, o aprimoramento de habilidades relacionadas às questões históricas e culturais sobre os locais visitados e à compreensão quanto à flutuação da cotação de moedas estrangeiras em relação ao Real.

https://doi.org/10.20396/etd.v25i00.8666590
PDF

Referências

ACOSTA, O. C.; REATEGUI, E. B.; BEHAR, P. A. Recomendação de conteúdo em um ambiente colaborativo de aprendizagem baseada em projetos. Revista Brasileira de Informática na Educação - RBIE, Porto Alegre, v. 26, n.1, p. 91-111, 2018.

BELL, D.; KAHRHOFF, J. Active learning handbook. St. Louis: Webster University, 2006.

BENDER, W. Aprendizagem baseada em projetos: educação diferenciada para o século XXI. Porto Alegre: Penso, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Base Nacional Comum Curricular: a área de matemática. Brasília,DF: MEC, 2018.

BOGDAN, R. C.; BIKLEN, S. K. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto, 1994.

CANI, J. B.; SANDRINI, E. G. C.; SOARES, G. M.; SCALZER, K. Educação e COVID-19: a arte de reinventar a escola mediando a aprendizagem “prioritariamente” pelas TDIC. Revista Ifes Ciência, v. 6, n.1, p. 13-29, 2020.

CECÍLIO, W. A. G.; TEDESCO, D. G. Aprendizagem baseada em projetos: relato de experiência na disciplina de geometria analítica. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 9, e002600, p. 1-20, 2019. DOI: https://doi.org/10.35699/2237-5864.2019.2600

CHRISTENSEN, C. M.; HORN, M. B.; JOHNSON, C. W. Inovação na sala de aula. Porto Alegre: Bookman, 2012.

D’AMBRÓSIO, U. Transdisciplinaridade. São Paulo: Palas Athenas, 1997.

DIESEL, A.; BALDEZ, A. L. S.; MARTINS, S. N. Os princípios das metodologias ativas de ensino: uma abordagem teórica. Revista Thema, Lajeado, v. 14, n. 1, p. 268-288, 2017.

FRANKS, F. F.; KELLER-FRANCO, E. Aprendizagem baseada em projetos: a concepção de docentes. Revista Eletrônica Científica Ensino Interdisciplinar, Moçoró, v. 6, n. 17, p. 315-332, 2020.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 2005.

MARTINS, V. J. et al. A aprendizagem baseada em projetos (ABPr) na construção de conceitos químicos na potabilidade da água. Revista prática docente, Confresa, v. 1, n. 1, p. 79-90, jul./dez. 2016.

MORAN, J. Metodologias ativas para uma aprendizagem mais profunda. In: BACICH, L.; MORAN, J. (org.) Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018. p. 1-25.

MORAN, J. Mudando a educação com metodologias ativas. In: SOUZA, Carlos Alberto; MORALES, O. E. T. (org.). Convergências midiáticas, educação e cidadania: aproximações jovens. PG: Foca Foto-PROEX/UEPG. Ponta Grossa. v. 2, p. 15-33, 2015.

OLIVEIRA, I. B. M. de; KISTEMANN JÚNIOR, M. A. A “nova normalidade” educacional e o uso de tecnologias em diversos ambientes promovedores de mediação docente, metodologias ativas e aprendizagens significativas. Pesquisa e Ensino. Barreiras, v.1, p. 1-31, 2020.

PEREIRA, A. C. R. Os desafios do uso da tecnologia digital na educação em tempos de pandemia. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, v. 24. n. 1, p. 187-205, , jan./abr. 2022.

ROCHA FILHO, J.B.; BASSO, N. R. S.; BORGES, R. M. R. Transdisciplinaridade: a natureza da educação científica. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2015.

SOARES, A. B.; MIRANDA, P. V. Os desafios da docência para a mediação pedagógica apoiada em tecnologias: o impacto da pandemia sobre a práxis. REDIN: Revista Educacional Interdisciplinar. Taquara, v. 9, n. 1, p. 107-124, 2020.

SOMMER, M. R. R. G.; PINHO, M. J. Tecnologias da informação e comunicação e o paradigma educacional emergente: em favor de uma formação transdisciplinar. Revista Observatório. Palmas, v. 3, n. 5, p. 301-320, 2017.

VALENTE, J. A.; ALMEIDA, M. E. B.; GERALDINI, A. F. S. Metodologias ativas: das concepções às práticas em distintos níveis de ensino. Revista Diálogo Educacional. Curitiba v. 17, n. 52, p. 455-478, 2017.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 ETD - Educação Temática Digital

Downloads

Não há dados estatísticos.